Itiruçu- Prefeita Lorenna, vice e vereadores tomam posse para mandato 2021/2024

Cerimônia   de posse foi realizada na Câmara de vereadores. Fotos/Blog Itiruçu Online.

Na manhã desta sexta-feira (01), primeiro dia do ano de 2021, a prefeita Lorenna Di Gregorio (PSD); o vice-prefeito Júnior Petrúquio (PSD); e os vereadores eleitos estiveram na Câmara Municipal na Sessão Solene de posse oficial para posse  do Executivo e Legislativo 2021/2024.

Foto divulgação/Wilson Novaes.

Entre os presentes, secretários municipais e vereadores que também acompanharam a sessão, onde o prefeito e o vice-prefeito prestaram seu juramento e foram empossados para mais quatro anos. Na sua fala, a prefeita destacou o comprometimento com o novo mandato, congratulando aos familiares, os quais foram frisados como a base das conquistas obtidas na carreira política. A gestora parabenizou os vereadores eleitos e reeleitos em nome do presidente eleito, Nino Mota. “Quero dizer a todos vocês que iremos iniciar mais quatro anos de desafios, de brigas, cobranças, mas, acima de tudo, de união em prol do povo de Itiruçu, pois tudo isso é pelo povo e para o povo”.

Lorenna ao lado de Jó de Jú, vereador destaque da última legislatura.

Lorenna agradeceu a parceria com o vice-prefeito Júnior que, segunda ela, muitos torciam por uma briga entre eles, mas entraram para a história como a primeira mulher prefeita reeleita e o vice reeleito na cidade. “Chegamos juntos em 2017 e estamos chegando novamente em 2020”, disse Di Gregorio.

Lorenna pontou que fará um mandato para todos: “Quando a gente ganha, a política acaba.   Agora não iremos administrar para um grupo político, iremos gerir para o povo que acreditou nessa gestão e que a vida da sociedade possa melhorar. Darei tudo que puder nesses próximos quatros anos para fazer da vida desse povo cada vez melhor. Ganhar uma eleição é difícil, se manter, se reeleger, é mais difícil ainda. Gratidão à todos que acreditaram que nosso grupo poderia continuar mudando a história dessa cidade”, pontuou.

Di Gregorio encerrou o discurso de posse lamentando as mortes em decorrência da covid-19, e no final, pediu perdão a quem possa ter magoado ao longo do ultimo mandato.  Em tom de brincadeira, disse que irá continuar.

“2020 foi um ano muito difícil e que entrou para história, onde vivemos numa pandemia e perdemos muitas vidas, não só na cidade com no mundo, pessoas que conhecíamos e outras não. Hoje perdemos mais uma vida pra essa doença que é um desafio para medicina, mas essa doença veio mostrar que Deus está cima de tudo e de todos; e que a vida é um sopro. Grande abraço a todos, um feliz ano novo e muita paz, união, saúde e, acima de tudo, amor; pois quando a gente tem amor ao próximo tudo se resolve. Às vezes a gente decepciona as pessoas e nosso orgulho não deixa a gente pedir perdão, então, se errei ou magoei alguém nos primeiros quatro anos, quero pedi perdão e dizer que vai continuar. Vou continuar errado, acertando, eu sou não vou parar, pois a mãe tá on”, finalizou em tom de descontração.

O vice-prefeito Gilmar Machado agradeceu e enalteceu sua trajetória política desde quando foi eleito vereador e vice-prefeito, lembrado que foi o único vice-prefeito reeleito na história de Itiruçu. “Fui o único vice-prefeito reeleito para o segundo mandato consecutivo na história de Itiruçu. Agradeço a Deus pela oportunidade do reconhecimento ao meu trabalho. Irei continuar lutando para que Itiruçu receba recursos cada vez mais”, disse Júnior, que depois de saudar os eleitos – com destaque para o vereador Jó de Jú-, Júnior congratulou a prefeita reeleita e desejou um novo mandato de crescimento para Itiruçu.

Câmara Municipal

Vereadores foram empossados.

Na Câmara municipal foram empossamos os reeleitos Nino Mota, Ezequiel Borges, Jó de Jú, Ito do Feto, Agnaldinho e Robertão; os novos eleitos Tony Anjos, Sidimar e Val Caetano também receberam a diplomação. Em Chapa única, com a composição de: Nino presidente, Tony Anjos vice; 1° Secretário Agnaldo Lopes; e o 2° Secretário Val Caetano, foram eleitos para a nova mesa diretora do Legislativo.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas