Itiruçu: Jornada Pedagógica dá início ao ano letivo; Prefeita apresenta balanço dos investimentos com educação

Fotos Divulgação/Wilson Novaes.

Iniciou nesta segunda-feira (5), as atividades da Jornada Pedagógica destinada aos professores da Rede Municipal de Ensino de Itiruçu, tematizando: A Escola que temos e a escola que queremos; Expectativas e metas para o ensino e aprendizagem. A realização do evento é de responsabilidade da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte e Lazer. A atividade é preparatória ao ano letivo de 2018 nas unidades escolares que compõem a Rede Municipal.

 

A abertura da Jornada  foi realizada  na Casa da Cultura, Profª. Maria Lindaura Catunda de Farias, reunindo pedagogos, coordenadores, supervisores, orientadores educacionais, além de toda  equipe técnico-pedagógico das escolas. O evento educacional de organização do ano letivo 2018 se encerrará nesta quarta-feira (07), sendo 03 dias de atividades com os docentes. Na cerimônia de abertura estiveram presentes, a prefeita Dra. Lorenna Di Gregorio; o vice-prefeito, Júnior Petrúquio e esposa, Kissia Bittencourt; Tenente Moreira, comandante do 2º Pelotão da 93ª CIP/Itiruçu; a secretária de educação, professora Ana Paula Silva; Conselho Tutelar, além de secretários municipais.

Foto divulgação/Roberto Brito.

A prefeita Lorenna Di Gregorio, ao empregar a fala direcionada aos professores, aproveitou para apresentar um balanço dos recursos do Fundeb, fazendo comparações entre os anos 2016/2017.  Segundo os dados apresentados e observados pelo Blog Itiruçu Online, em 2016 o município recebeu R$ 6.527.995,26 e em 2017 o valor de 6.000.154,61, sendo R$ 527.840,65 a menos na comparação. Sobre o pagamento do Piso nacional, que é um entrave nos municípios, a prefeitura deve negociar o pagamento parcelado com os professores através de negociação a ser acordada  com a APLB, em face de o  recurso não cobrir o aumento estipulado.  Outros dados apresentados pela gestora consistiram na diminuição dos gastos com transporte escolar, diminuído de R$ 443.873,00 para R$ 386.271,69, em comparação com o ano anterior. Na aplicação da merenda escolar, em 2017,  foram investidos R$ 261.357.98, menor que em 2016, onde foram gastos R$ 387.660,31. Os valores com a realização da Jornada pedagógica também foram destacados, tendo o município reduzido o valor de 2017 para 2018. Lorenna destacou também os valores do primeiro mês de governo, em Janeiro de 2017, além do quadro comparativo do Fundeb 60 e 40, conforme tabelas no slide.

Caracterizada como um momento de troca de experiências, essa fase da Jornada é direcionada para os gestores e para a equipe pedagógica das escolas. Conforme a programação, serão apresentados e discutidos os projetos didáticos a serem implementados, além da realização de oficinas e palestras. Na primeira noite foi ministrada palestra sobre ‘Como anda a saúde mental do professor’, dirigida pelo psicólogo, Ednaldo José da Silva, especialista em Psicanálise Clínica e Psicologia da educação.

Município realizou entrega de Kits   aos professores.

Nesta terça-feira (06), a programação segue com palestra sobre aprendizagens buscadas na proficiência leitora, tendo como expectativas a prática pedagógica, ministrada pela Esp. Márcia de Cássia Mendes, da UFBA, com foco no Ensino Fundamental I.  O ensino Fundamental II é tematizado o tema: Leitura na Sala de Aula, baseando-se nos instrumentos de formação de leitores, direcionada palestra pela Ma. Maria Lúcia da Guarda, da UNEB.  Na parte da tarde, o tema será Escolas do Campo e EJA, sob orientações do Me. Marcos Paiva Pereira , da UFRB. Valéria Gomes da Silva orienta sobre a educação especial, com tema acessibilidade e inclusão na educação especial, escutando dúvidas e possibilidades.

 

No último dia de Jornada, de acordo com a programação, haverá momentos culturais e uma palestra com o presidente da APAE, Esp. Moana Meira, com tema a inclusão e seus desafios.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas