Com broche de Dilma, Sarney votou em Aécio

sarney

Um vídeo em que o senador José Sarney (PMDB-AP) aparece de perfil em frente à urna eletrônica se espalhou pela internet e está provocando polêmica. A peça diz que se trata de um flagra de seu voto no segundo turno da eleição presidencial, realizado no último domingo (26). Dá a entender que, ao digitar o número, aperta o 4 e 5, supostamente votando no PSDB de Aécio Neves. Sarney, porém, é aliado da presidente reeleita Dilma Rousseff (PT), cujo número era 13. Na filmagem, ele surge inclusive usando um adesivo de apoio à candidata.

Não há nenhuma prova de que o vídeo tenha sido feito no segundo turno da eleição, apesar de o teste biométrico da urna indicar que se trata de uma cena recente.

No Amapá, onde Sarney votou, Waldez Góes (PDT) venceu o segundo turno para governador do Estado, apoiado por Sarney. A sigla do candidato, que derrotou Camilo Capiberibe (PSB) com 60,58% dos votos, era 12.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas