Itiruçu Online – Aqui Bahia Jornalismo de Qualidade e Responsabilidade Social

Saiba como foram medidos os votos dos deputados e suas lideranças em Itiruçu

Se há uma liderança local a comemorar os resultados das eleições é o vice-prefeito de Itiruçu, Júnior Petrúquio. Uma justa observação: o grupo de Antonio Brito fechado com o vereador Jó de Jú e o vereador Agnaldo Lopes, além de diversas lideranças, ganha todo crédito da boa votação crescente no município para Antonio Brito. A figura que expressamos a liderança é do vice-prefeito Júnior, mas por ser ele o líder de Brito local. Isso mostrou claramente a força de articulação dos Britistas e fazem enxergar que separados da prefeita Lorenna a deixa com menos força.  Somadas as votações dos federais do grupo de situação, Brito, Solla e Carleto, chega a 3008 votos, um quantitativo de 1.254 votos a menos que a Vitória da prefeita nas urnas em 2016, o que mostra força na união na conjuntura com o grupo de Brito.  Sem os votos de Brito, apenas com Solla e Carleto, o grupo do governo municipal soma 1.778 votos. Isso sem somar votos nanicos na cidade que foram espalhados para ambos os lados.  De qualquer forma, em Itiruçu é preciso continuar da forma que está à conjuntura politica para repetir os resultados das últimas eleições.  Isso é claro, com uma clara anotação: dos 9.312 eleitores do município, somente 70,14% foram às urnas, o que pode interferir e mudar qualquer avaliação feita sobre o processo eleitoral.

Na briga dos federais, Jorge Solla ficou apenas com apoio da prefeita e do vereador e presidente da Câmara, Ezequiel Borges. Antonio Brito com apoio do vice-prefeito Júnior, dos vereadores Jó de Jú e Agnaldo Lopes. Marcelo Nilo com apoio dos ex-prefeitos Wagner, Aílton e dos vereadores Paulinho e Robertão. Ronaldo Carleto obteve apoios da classe política do vereador Ito do Feto, Nino Mota, além de secretários municipais.

A oposição para federal não mostrou unificação e luta pelos votos, pois a soma não coincide com votos de Zé Cocá, principal nome de oposição ao governo Lorena, que acabou sendo o mais votado com 1979 votos, enquanto Marcelo Nilo obteve 555 votos, sendo o terceiro nas urnas. Nilo foi representado na figura do ex-prefeito Aílton Cezarino.

Paulo Magalhães candidato do vereador Helinho obteve 164 votos. Pelegrino, apoiado por amigos na cidade na lembrança de 197 votos. Os demais aparecem com menos de 100 votos.

 

Cenário para deputado estadual

 

Deu o esperado. Zé Cocá ficou em 1º lugar com muitos votos espontâneos, mas foi reforçado por lideranças locais que o representou, a exemplo do empresário Heron Castro e dos vereadores Roberto Silva e Paulinho, da classe política. Zé brigou assim como em Jequié com Euclides Fernandes, ficando em 1º nas disputas. Em Itiruçu Cocá obteve 1979 votos contra 1253 de Euclides. Euclides foi ressuscitado em Itiruçu pelo apoio da prefeita Lorenna, pois vinha de outras eleições com apoios do ex-prefeito Wagner e do vereador Paulinho.

 

O 3º colocado nas urnas não teve o resultado esperado nas investidas do candidato Sandro Régis, que teve como coordenador de Campanha na cidade Enzo Tenisi, candidato a prefeito nas últimas eleições e que se juntou a dois vereadores Elinho, Duda de Zili, além de lideranças locais. Sandro Régis também diminuiu a quantidade de votos em comparação à última eleição em Itiruçu.  Marcelinho Veiga não igualou os votos de Nilo pela presença de Zé Cocá, que ganhou a maioria dos votos de oposição. Veiga obteve 275 votos. Ou Seja, o grupo de situação foi contra a candidatura de Zé Cocá desde sua conjuntura, mas não conseguiu derrotar o ex-prefeito de Lafaiete nas urnas, que conseguiu ser o líder natural de Itiruçu no campo estadual. Isso mostra que Zé Cocá foi quem melhor unificou os votos de oposição a Lorena na cidade.

 

O eleitor também prestigiou o vereador Nino Mota com o candidato Claudio Bastos, somando 130 votos.  Angelo Almeida obteve 104 votos, os demais aparecem com menos de 100 votos.

Governador

Para governador, Rui Costa obteve 4.099 votos, contra apenas 828 de Zé Ronaldo. Já os senadores, Jaques Wagner obteve 3.422 votos e Coronel 3.131 votos, eleitos. Jutahy, candidato do ex-prefeito Wagner obteve apenas 864 votos.

Presidente

Os votos de presidente seguiram a polarização nacional, vencendo o PT em Itiruçu com 3.583 votos contra 1.316 de Jair Bolsonaro. Ciro Gomes obteve 549 votos.  GERALDO ALCKMIN abandonado pelo PSDB obteve  121 votos em Itiruçu.

Pensa diferente? Envie sua opinião. Clique aqui


error: Conteúdo protegido !!