Prefeitura de Jequié entrega novos equipamentos aos agentes comunitários de Saúde

Com o intuito de auxiliar o acompanhamento das famílias que estão cadastradas no Programa Bolsa Família, a Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Secretaria de Saúde, realizou na manhã desta terça-feira, 7, no auditório Waly Salomão, na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), o evento de entrega das balanças de pesagem para os agentes comunitários de Saúde do município. Estiveram presentes o vice-prefeito e secretário de Saúde, Hassan Iossef, representando o prefeito de Jequié, Sérgio da Gameleira; a secretária de Desenvolvimento Social, Andrea Cerqueira; a gestora da Central do Cadastro Único, Railda Pires; a diretora da Assistência à Saúde, Jaciara Mendes; a diretora da Atenção Básica, Ivana Quaresma; a coordenadora do Programa de Agentes Comunitários de Saúde da Zona Rural (PAC-Zona Rural), Bárbara Pessoa; o presidente do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde (SIND-ACS), Erlon Oliveira; o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Silvino Rodrigues, além de centenas de agentes comunitários.

Na ocasião, foram entregues 320 balanças digitais que vão fazer parte dos equipamentos dos agentes comunitários de Saúde para o atendimento do Programa Bolsa Família, que busca garantir, através de suas condicionalidades, a transferência de renda às famílias pobres e extremamente pobres, inscritas no Cadastro Único, com renda por pessoa entre R$ 85,01 e R$ 170,00 mensais, desde que tenham crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos.

O Bolsa Família beneficiou, em Jequié, somente no mês de junho, 13.830 famílias, representando uma cobertura de 81,8 % da estimativa de famílias pobres no município. As famílias recebem benefícios com valor médio de R$ 161,72 e o valor total transferido pelo Governo Federal em benefícios às famílias jequieenses atendidas alcançou, no mês de junho, o total de R$ 2.236.570,00 (dois milhões, duzentos e trinta e seis mil, quinhentos e setenta reais). Já o acompanhamento da saúde das famílias, até dezembro de 2017, atingiu 66,3 %, percentual equivalente a 7.863 famílias, de um total de 11.860, que compõem o público dentro da faixa com perfil de atendimento da área de saúde do município.

“Estamos aqui reforçando o trabalho intersetorial, valorizando a equipe da Saúde no trabalho de acompanhamento das condicionalidades porque este é um instrumento de trabalho necessário e nós, da Secretaria de Desenvolvimento Social, estamos apoiando com recurso do Índice de Gestão Descentralizada, o IGD, a compra dessas balanças para facilitar a vida dos agentes comunitários de Saúde.”, disse a gestora da Central do Cadastro Único, Railda Pires.

“Hoje nós estamos fazendo a entrega de 320 balanças para os agentes comunitários da Saúde, para que possam acompanhar o peso das crianças e com essa pesagem nós vamos estar cumprindo com as condicionalidades do Bolsa Família. Esse momento é muito importante para que a gente consiga abranger todo o território, acompanhando as nossas crianças e com isso fazendo com que o Programa não tenha prejuízo nenhum.”, disse a secretária de Desenvolvimento Social, Andrea Cerqueira.


Comentários

Deixar uma Resposta


Notícias Relacionadas