Greve suspende serviços com hora marcada nos Correios

A paralisação nacional dos Correios completa dois dias nesta quinta-feira (15). A direção da empresa informou, através da assessoria de imprensa em Brasília, que os serviços de entrega de cartas e encomendas estão mantidos, mas podem sofrer atrasos por conta da greve. Os serviços que não funcionam por conta da paralisação são aqueles com hora marcada, como o Sedex, Sedex 10 e o Disque-Coleta. A presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios e Telégrafos da Bahia (Sincotelba), Simone Lopes, informou que no estado todos os serviços estão prejudicados. De acordo com Lopes, 90% dos 5,3 mil funcionários da Bahia aderiram à greve. “Nós queremos um piso salarial de três salários mínimos”, disse a presidente do sindicato. A direção nacional dos Correios informou que propôs um aumento de 13% na última segunda-feira (12), mas com o início da greve na quarta-feira (14), a proposta foi retirada. A empresa informou ainda que a paralisação atinge, em média, 40% dos 60.427 trabalhadores em todo o Brasil.

Do G1 BA


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas