Depois de morta, mulher conseguiu marcação de exame em Conquista

A senhora Anelita Vieira Lemos, 73 anos, morava no bairro Boa Vista, em Vitória da Conquista e começou a sentir dores no peito.DSC09129-176x300 Preocupada, foi diversas vezes ao posto de saúde do bairro, em busca de assistência médica. Tentou marcar exame com cardiologista e suas tentativas foram em vão. Resultado: acabou morrendo. Foi fulminada por uma parada cardíaca. Isto aconteceu em julho de 2013.

 

Dona Lita, como era conhecida, era esposa do jornalista Enyl Lemos, mãe dentre outros, do Sargento Lemos e do ator Robson Lemos, que hoje reside nos Estados Unidos. Seu falecimento causou grande comoção na cidade. Passados três meses do seu óbito, o viúvo recebeu em casa, um comunicado da Secretaria de Saúde do Município, informando que havia agendado um exame “para a morta”.

 

Nesta quinta-feira, (23) o jornalista Enyl Lemos manteve contato com o conquistanews informando que sente dores no peito e que já se passaram noventa dias que ele procurou o posto de saúde e não conseguiu marcar exame com cardiologista nem com ortopedista, pois sente também dores nos ossos das pernas sempre que está caminhando. Enyl tem receio que o destino lhe reserve o mesmo fim de sua saudosa esposa.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas