O Ministério Público do Trabalho (MPT) e entidades da sociedade civil, do setor empresarial e de instituições públicas divulgaram nesta terça-feira (10) nota de repúdio à exoneração do chefe da Divisão de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo (Detrae) do Ministério do Trabalho, André Esposito Roston. A exoneração foi publicada hoje no Diário Oficial da União.

Confira à integra da nota:

“Nota de repúdio à exoneração do chefe da divisão de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo do Ministério do Trabalho”

Nós, membros e representantes de entidades da sociedade civil, do setor empresarial e de instituições públicas comprometidas com o combate ao trabalho escravo, manifestamos nossa indignação e repúdio com a exoneração do chefe da Divisão de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo (Detrae), André Esposito Roston, publicada no Diário Oficial da União de 10 de outubro de 2017.

Segundo informações veiculadas pelos jornais Folha de S. Paulo e O Globo, além de ter desagradado o Governo Federal ao informar a falta de recursos para o combate ao trabalho escravo em audiência pública realizada no Senado Federal, André Roston foi dispensado justamente durante a negociação de votos na Câmara dos Deputados para barrar a nova denúncia contra o Presidente da República Michel Temer.

No atual cenário de instabilidade política e de retrocessos sociais, o Governo ignora a diretriz de permanente avanço no combate ao trabalho escravo imposta pela sentença da Corte Interamericana de Direitos Humanos (que recentemente condenou o Brasil em um caso de trabalho escravo) e arruína uma política pública até então assumida como prioritária pelo Estado brasileiro.
A fiscalização é a base do sistema de combate a esse crime. E, sem uma fiscalização confiável não há como produzir informação para subsidiar as ações da sociedade civil e do setor empresarial.

Testemunhas do trabalho sério, engajado e transparente realizado pela coordenação do combate ao trabalho escravo, estamos convictos de que a exoneração compromete a erradicação dessa violação aos direitos humanos e revela a inexistência de vontade política e o descompromisso do atual Governo com o enfrentamento do problema.

Brasil, 10 de Outubro de 2017

Assinam:

Coordenação Geral da Comissão Nacional para a Erradicação do Trabalho Escravo

Coordenadoria Nacional de Erradicação do Trabalho Escravo do Ministério Público do Trabalho

Comissão Pastoral da Terra

Confederação Nacional dos Trabalhadores Assalariados e Assalariadas Rurais

Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social

Instituto Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo

ONG Repórter Brasil

 


Os delegados Cristiano Mangueira e Isaias Neto, conduziram a operação que culminou na prisão do indivíduo acusado de ter atirado no próprio pai. A vítima foi o senhor Sérgio da Cruz dos Santos (48) atingido com um tiro na face, no último  domingo (08),  à noite, deflagrado pelo João da Cruz dos Santos Neto (19).

 

A arma usada no crime: um revólver, cor prata, calibre.32 foi apreendido. Indagado sobre o tiro que atingiu o seu pai, Joãozinho informou que o disparo foi acidental ao tentar tomar a arma de seu Sérgio. O pai confirmou a versão do tiro acidental. João foi apresentado ao plantão da DT de Jequié e flagranteado pela delegada Eliana Castro, pelos crimes de posse ilegal de arma de fogo e lesão corporal culposa. ( Masconte).


A operação Furta Ônus, da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Bahia, resultou na prisão de integrantes de uma quadrilha de roubo de cargas com atuação na região sudoeste da Bahia, na BR-116, na divisa com Minas Gerais, e na BR-251, no estado vizinho. Além disso, segundo a PRF, foram recuperados equivalente a R$ 900 mil em mercadorias roubadas, sendo a maioria composta por produtos de fácil revenda, como gêneros alimentícios, cosméticos, eletrônicos e brinquedos.

Também foram recuperados cinco veículos roubados, uma arma e cinco munições foram apreendidas. Seis pessoas envolvidas com os assaltos a caminhoneiros ainda foram detidas. A ação identificou ainda os locais onde os produtos eram armazenados após o crime.

A operação começou no dia 24 de setembro e terminou no sábado (7). O balanço foi divulgado neste domingo (8). A Operação Furta Ônus ainda contou com a participação de policiais do Núcleo de Operações Especiais (NOE/BA) e dos Grupos de Patrulhamento Tático (GPTs) da Regional, sob planejamento do Comando de Operações Especializadas (COE). Resenha Geral.


Um amargosense identificado como João Serra de Andrade, conhecido por “João Foca”, foi encontrado morto em uma estrada vicinal próximo a cidade de Iramaia neste sábado (07). Segundo informações, João Foca teria sido assassinado por estrangulamento com próprio cinto que ele usava. Ainda de acordo com informações o local onde foi encontrado o corpo havia várias marcas pés, o que leva a entender que houve luta corporal.

Ainda não se sabe o que motivou o crime. A Polícia Técnica esteve no local para fazer o levantamento cadavérico. *Recôncavo Noticias.


Na sexta-feira (06), por volta das 11h40min, a guarnição do 2º Pelotão da 93ª CIPM, sede de Itiruçu, ao realizar rondas pela cidade encontrou dois elementos em atitudes suspeitas.  De acordo com informações da PM ao Itiruçu Online, ao efetuar a abordagem foi encontrado de posse dos elementos 15 petecas de erva Cannabis Sativa (maconha).

Os militares deram voz de prisão para os abordados, identificados por Roberto Júnior, de 19 anos, residente em Itiruçu e um menor.

 

Polícia Recupera aparelho celular furtado neste sábado (07).

 

A Polícia Militar recuperou um aparelho celular furtado de um Bar no centro da cidade. De acordo com relatos ao Itiruçu Online, a guarnição da PM realizava rondas nas imediações da Feira Livre quando foi solicitada pela  sra A. R. dos S. , relatado  que estava trabalhando em um bar no centro  e colocou seu celular pra carregar,  quando foi pegar o referido aparelho não o encontrou.  Logo após, o proprietário do bar informou que um elemento conhecido como Joceval havia furtado o aparelho e tomando rumo ignorado. Ao fazer rondas a guarnição  encontrou o  referido elemento próximo ao mercado municipal. Que o abordou, sem, contudo encontrar o celular. Ao ser indagado sobre a veracidade do fato, ele nos informou que de fato o havia furtado e que o aparelho celular estaria em sua residência.  A guarnição se deslocou até a referida residência e, com a permissão do conduzido, foi até o local por ele indicado. Num pequeno quarto, debaixo de um colchão, foi encontrado o aparelho celular, sem a bateria, de imediato foi dada a voz de prisão ao autor, sendo este conduzido até a Central de flagrante em Jaguaquara para serem adotadas as medidas cabíveis. Foi preso Joceval Bonfim dos Santos.


Em operação visando resguardar a tranquilidade dos Iramaienses, a Guarnição do PETO- Pelotão de Emprego Tático Operacional- da 93ª CIPM, ao realizar rondas na cidade de Iramaia durante a tradicional festa da Gruta, por volta das 22h00min desta sexta-feira (06), na Rua Nova no Bar do senhor João de Valdeque, os militares suspeitaram de alguns adolescentes, dando voz de abordagem, tendo encontrado no chão do referido bar um pino vazio de cocaína. Ao iniciar investigação a origem do pino de cocaína vazio, a guarnição foi informada que a droga tinha acabado de ser consumida, sendo adquirida na mão do indivíduo de vulgo “Bolão”, residente na Rua do Sossego – Centro da cidade.

Trio foi conduzido a central de flagrante.

De posse das informações obtidas, a guarnição do PETO, juntamente com a guarnição do 5° Pelotão/ Iramaia, deslocaram-se até a residência de Bolão, encontrando substâncias   aparentando ser Cocaína Crack e Cannabis Sativa (Maconha), momento que foi dado voz de prisão a Bolão e a duas mulheres, as quais se encontravam na residência. Os envolvidos, bem como todo material foram apresentados a Central de Flagrantes na cidade de Jequié.

 

Durante a operação foram apreendidas: 8 pedras de uma substância aparentando ser Crack, 100g de uma substância aparentando ser Cocaína, 1kg de substância aparentando ser Cannabis Sativa (Maconha), Sacos para embalagens de drogas, R$ 238,00 fruto da movimentação do tráfico de drogas, Três celulares/ Dois LG e Um Samsung.

Os envolvidos na ação foram conduzidos e identificados por:  Fabrício Fernandes Silva de Almeida, 21 anos – Natural de Iramaia,  ‘Vulgo Bolão’; Jackeline Santos Correa, 22 anos – Natural de Itaitê;  e Ericka Bispo dos Santos, 25 anos – Natural de Itaitê.

 

Quer ajudar no combate ao crime? Então anote o Disque denúncia do PETO/93ªCIPM: (73) 99114-9152.

Um pequeno produtor rural e seus funcionários ficaram sob a mira de bandidos por mais de uma hora na manhã de sexta-feira (06), em uma casa no centro da cidade de Itagi. Segundo apurou o Blog  GIRO em Ipiaú, três homens armados chegaram ao imóvel por volta das 05h25 da manhã. De acordo com o Blog Tocooliver, os criminosos levaram da vítima mais de R$ 82 mil. A informação foi confirmada ao GIRO pela delegacia do município. Segundo a polícia, o bando era formado por três elementos armados que invadiram a residência do comerciante conhecido popularmente como “Olival da Banana” e fizeram todos reféns. Enquanto um dos criminosos fazia ameaças, os comparsas reviraram cômodos da casa em busca do dinheiro. Os bandidos fugiram em um veículo modelo Strada, de cor vermelha. Até o final da tarde dessa sexta-feira, nenhum dos assaltantes tinha sido preso. As investigações são feitas pela Polícia Civil de Itagi.


Dois suspeitos de estarem buscando drogas na cidade de Jequié para abastecer o tráfico de drogas em Maracás tombaram após resistir a passar em Barreira Policial e atirar contra os militares.

As informações foram confirmadas ao Itiruçu Online pela 93ª CIPM, que de acordo com nota,  a ação ocorreu por volta das 16h30min, quando  a central telefônica  da 93ª CIPM  foi informada que  dois indivíduos a bordo de um carro branco  iriam até  a cidade de Jequié buscar drogas e armas, para abastecer a cidade de Maracas.

Os policiais deslocaram- se até a entrada de Maracas sentindo Pé de Serra, a fim de abordar o veículo informado, fazendo o bloqueio nas imediações da Fazenda Santo António, próximo  ao MOTOCROSS. Ao avistarem o carro suspeito os militares  deram sinal de abordagem, contudo não  foram atendidos. O condutor do Veículo empreendeu fuga adentrando em uma estrada vicinal em alta velocidade, se deparando com um cancela, abandonando o veículo  e caindo no matagal,  efetuando disparos de arma de fogo contra os militares, os quais revidaram a injusta agressão, atingindo dois indivíduos:  vulgo ”Papa Capim” e “U”.

Após sessar a agressão,  os militares notaram que os indivíduos tinham sido baleados, sendo imediatamente prestado socorro e ambos conduzidos até  o Hospital  Álvaro Bezerra na cidade de Maracas, contudo não resistiram, sendo constato os óbitos  pelo médico Plantonista.

 

Na operação os policiais  apreenderam:  Aproximadamente 400 g de substância aparentando ser crack,  2 revólveres, sendo ambos calibre 32, 6 munições percutida/3 deflagrada, Um corsa Sedan Classic Branco, 3 Celulares. Os residentes foram identificados por: Wallison Santos Machado e Darlan Silva.


Foi realizada na noite de ontem, em Lagedo Tabocal, na Câmara de vereadores, a apresentação do projeto para a implantação da Guarda Mirim Municipal. O projeto visa atender as crianças egressas do Programa Educacional de Resistência às Drogas- PROERD-, objetivando garantir que as crianças permaneçam com a mesma consciência e comportamento apreendido durante o curso.

O projeto Guarda Mirim, é de autoria da SD PM Cibele Alves de Azevedo, com participação do CB PM Sanches e visa atender as crianças cuja faixa etária esteja compreendido entre 10 a 16 anos, cujas atividades serão desenvolvidas nas áreas de ciências da computação, ordem unida militarizada, conhecimento de leis e regras, cidadania, atividades culturais, entre outros. Cabe a casa legislativa aprovar o projeto para que possa dar prosseguimento à execução, e assim, garantindo futuro dos jovens Lagedenses. (Itiruçu Online/Fotos Íris Bastos.)


Foto/Blog Itiruçu Online

Um homem cometeu suicídio na zona rural do município de Jaguaquara, no Vale do Jiquiriça, na manha desta segunda-feira (02/10). Em depoimento a Polícia Civil, sua companheira Juscineia Sila de Jesus,  revelou que ao sair de casa, no Sítio Serra Azul, na região do Cedro para ir ao centro da cidade, seu esposo estava ameaçando enfocar. Ela pediu para que o mesmo não fizesse o ato. Ao retornar por volta das 11h, não encontrou Edvandro Santos de Jesus, 40 anos . Ao chegar no quintal deparou com o corpo da vítima preso com uma corda no pescoço sem sinais vitais. Ele teria usado uma cadeira, amarrando a corda no pé de cacau, que não suportou o peso quebrando o galho e caindo. Evandro completaria 41 anos no próximo dia (5), quinta-feira. *Fonte é Polícia Civil.