Vereador diz que projeto do PAC2 não é aprovado pela câmara porque nem a prefeitura sabe o que está solicitando



O vereador Vilberto Leal se irritou ao usar a tribuna na noite desta terça feira, onde acabou de vez com o disse me disse do pedido de autorização da câmara para empréstimo de três milhões e meio de reais, segundo ele, as informações mentirosas divulgadas pelo prefeito e por locutores da rádio comunitária sem nível de conhecimento do assunto, induzindo a comunidade a culpar vereadores se bairros não fossem calçados, sendo que já há recursos para os calçamentos, também ressaltou que nem o prefeito municipal tem o teor de conhecimento necessário sobre o projeto, tanto que espera ofício da simulação requerido junto à caixa econômica para que possa informar a câmara municipal sobre o valor das parcelas, que já são divulgadas de maneira mentirosa e intencional, em alguns momentos de 13 mil reais, em outros 16 e 15 mil reais. O vereador disse que vereador tem que se respeitar e afirmou que o projeto não passa pela câmara, caso seja o mesmo aprovado, algum dos cinco vereadores da oposição foi vendido para votar no referido projeto. São eles: Vilberto Leal, Robson Mauro, Emerson Mecês; Duda, Diógenes Serra.

Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas