Rui Costa diz que chamará prefeitos para anunciar “Pacotes” de ajudas no São João

costasaojoao

SÃO JOÃO DO BAHIA – É recorrente a reclamação dos prefeitos sobre a queda de receita. Neste primeiro trimestre de 2015, a principal receita dos municípios, o FPM (Fundo de Participação dos Municípios) apresenta queda em relação a 2014. E para complicar a situação, as despesas aumentam; pois começou a vigorar o novo salário mínimo, o novo piso salarial dos professores, aumentos nos combustíveis e energia elétrica. É bom ressaltar que muitos municípios estão tendo dificuldades para cumprir pisos nacionais em diversas áreas trabalhistas.

Uma tradição da região Nordeste, as festas de São João e São Pedro devem acontecer nos municípios baianos mesmo com as dificuldades financeiras enfrentadas pelas prefeituras. Alguns municípios irão cancelar a festa.  Atentos à recomendação do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) para evitar ao máximo o gasto de verbas públicas, gestores chegaram a diminuir dias de festa e optaram por contratar bandas mais baratas, “valorizando a prata da casa”. Uma nova realidade nas administrações municipais que acabam correndo para buscar apoio do estado na realização de festas tradicionais.

Diante da reclamação dos gestores baianos com a falta de recursos próprios para realização do São João, o governador Rui Costa, prometeu, nesta sexta-feira (24), que nos próximos dias estará recebendo prefeitos e criará um “pacote de ajuda” através da Bahiatursa para os  municípios  realizarem suas festas juninas. “Pedi ao secretário de turismo que defina uma proposta e assim nos apresentar. Já fui pedi ajuda ao Banco do Brasil, Caixa Econômica Coca Cola e com as cervejarias para que a iniciativa privada também possa ajudar o São João da Bahia e eu devo está chamando os prefeitos nos próximos dias para anunciar o pacote de apoio aos prefeitos no São João”, garantiu Rui Costa em entrevista para o Blog Itiruçu Online.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas