Reunião discute violência na zona rural de Jequié

jequieviolencia
O aumento da violência na zona rural de Jequié motivou a União das Associações rurais de Jequié, (UNARJE), a realizar na manhã desta última quinta-feira (20/11), no gabinete da Prefeitura Municipal de Jequié reunião para debater o tema.
Moradores dos distritos e povoados vem sofrendo com assaltos, furtos, tráfico de drogas, prostituição, poluição sonora, velocidade excessiva e armas na zona rural. O número de assaltos na zona rural tem aumentado de forma assustadora.
São propriedades, estabelecimentos comerciais e motos roubadas na zona rural de Jequié. Um dos agravantes é a demora no deslocamento de viaturas, devido à distância das comunidades. A ação da Policia Militar na área urbana tem provocado a migração deste tipo de delito para áreas da zona rural.
Os administradores das comunidades rurais apresentaram várias reivindicações à administração municipal e a Policia Militar, dentre elas a presença física de policiais nos finais de semana nos distritos e povoados. O encontro contou com a participação da prefeita Tânia Britto, vereador Chico de Alfredo, secretários Marcelo Aguiar (Governo), Jairo Rodrigues (Esporte e Lazer) e dos administradores Jorge Alves (Deus Dará); Jossivaldo Santos (Itajuru); Antônio Neilton (Nova Esperança); José Luiz Bispo (Oriente Novo); Joilma Silva (Oriente Novo); Elizeth Machado (Presidente da Associação de Moradores de Itajuru); Uanderson Ferreira Secretário da UNARJE;Valmirá Moreira Presidente da UNARJE; Ronaldo Silva Chefe da Divisão da Educação; Manoel de Jesus (Itamarindo); Luciana Ribeiro (Florestal); e o Tenente PM Castro Filho.
Segundo a prefeita Tânia Britto, a iniciativa é importante para o combate da violência na zona rural. “A responsabilidade é de todos nós, precisamos levar ações esportivas, culturais e socioeducativas para estas pessoas”, afirmou a gestora.
Os pleitos serão encaminhados ao comando do 19º Batalhão da Policia Militar de Jequié. Um novo encontro será definido para debater o assunto com representantes da Guarda Municipal, Policia Militar, Policia Civil e Prefeitura Municipal.
Por Zenilton Meira

Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas