Poções: União de imprensa e polícia resulta na prisão de homem que ameaçava blogueiros, radialistas e populares

pc-2

Policiais civis e militares de Poções prenderam, nesta quarta-feira (21), um homem que ameaçava blogueiros, radialistas, políticos e populares através do WhatsApp. Jeremias Sousa foi preso em flagrante após profissionais da imprensa em parceria com a Polícia Civil e Militar armarem um esquema para efetuar a prisão em flagrante.

Uma mulher bastante atraente, de nome não revelado por questão de segurança, a qual já havia sido vítima, disfarçou que queria ter um caso amoroso marcando um encontro com Jeremias. Por ser de outra cidade, a mulher conversou com o elemento (Jeremias)  via WhatsApp, marcando um encontro  no Terminal Rodoviário de Poções. Chegando ao local, o meliante foi ao encontro da mulher e para sua surpresa ela estava acompanhada da policia e da imprensa. Ele foi preso em flagrante e encaminhado para o Complexo Policia de Poções. “Uma pessoa que mandava fazer isso”, disse Jeremias Sousa sem revelar o nome do mandante, que supostamente seja ligado à política local.

meliante

Por varias vezes ameaçou ele ameaçou os blogueiros Adelson Meira (Portal Poções), Adriano Cruz (Poções 24 horas), Van Nascimento (Panorama Geral) e radialistas como Galeguinho (Rádio Educadora), DJ Lucas (Rádio Educadora), Marcos Moreti (Rádio Educadora) e DJ Luis (Rádio Educadora), além de políticos e mulheres casadas, as quais os nomes não foram divulgados.

Com o meliante foi encontrada uma moto com documentação irregular e aparelhos celulares e vários chips com os mesmos números que ele ameaçava as pessoas. São eles: 77 9942-3276, 77 8114-8266, 77 8140-5119 e 77 8152-3716. Em um dos aparelhos continha várias fotos de crianças nuas, deixando suspeitas de que a vitima seja pedófilo. Durante a prisão de Jeremias, um parente dele tentou intimidar a imprensa no complexo policial (Veja no vídeo). O caso ainda segue sob investigação das policias militar e civil para saber quem é o mandante das ameaças. *Informes do Porções 24 horas.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas