No Território de Identidade do Vale Jiquiriçá, o município de Jaguaquara é a mais populosa, com 56.033 habitantes.  A cidade tem a BR-116 margeando seu território e a BR-420, que a liga a outras cidades do Vale Jiquiriçá. Um sonho antigo dos Jaguaquarense é a implantação de uma universidade pública. Durante esta semana o assunto ganhou notoriedade e alimentou esperanças dos que galgam a possibilidade da implantação de uma universidade pública na cidade, alimentada na divulgação da busca pela implantação de um campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano – o IF Baiano, por meio do Ministério da Educação, com recursos na ordem de R$ 15 milhões.

 

A notícia foi repassada pelo ex-prefeito de Lafaiete Coutinho e Coordenador dos Consórcios da Bahia, Zenildo Brandão (Zé Cocá), que esteve em Brasília acompanhando o prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli e o engenheiro Adealdo, onde participaram de uma audiência com o deputado Cacá Leão pautando o assunto.

 

-Sempre acreditamos num futuro melhor.  A educação será sempre a ferramenta para a transformação social e, hoje,  Jaguaquara acaba de dar um passo importante para avançar na educação com o ensino superior. Aqui em Brasília, juntamente com o nosso amigo e prefeito, Juliano Martinelli, além do engenheiro Adebaldo, participamos de uma audiência com o deputado Cacá Leão, onde, na oportunidade,  tratamos de um assunto de interesse de todos os jaguaquarenses:  a implantação de um Campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, o IF Baiano no município por meio do Ministério da Educação, com recursos de R$ 15 milhões. O convênio ainda será assinado e, tenha certeza, nós vamos unir forças por este avanço-, comentou Zé Cocá.


Em entrevista à rádio CBN, nesta quarta-feira, 21, o secretário disse que o governo está em contato com a inteligência policial do Rio de Janeiro para saber quais medidas serão adotadas. “É para que a gente possa adotar algumas ações que não prejudiquem o Estado paulista. Em princípio, as medidas serão as de costume, como a intensificação de policiamento em determinadas áreas, sem aumento do efetivo, e a intensificação dos trabalhos de inteligência. Integração dos trabalhos de inteligência dos Estados envolvidos ou próximos à intervenção’, ressaltou ele.
“O trabalho contra o crime organizado é um trabalho que realizamos sempre. Não tem pausa. Não haverá intensificação em virtude disso não. Estamos colaborando com o Ceará. O governador Geraldo Alckmin prega a necessidade de criarmos uma agência de inteligência integrando a inteligência de todos os Estados, das Forças Armadas, para que a gente possa ter sob a coordenação direta do gabinete de Segurança Institucional, órgão ligado à Presidência da República, um trabalho mais eficiente para melhorar a inteligência de todo o País”, destacou Alves.

O secretário também afirmou não temer uma reação nos presídios após as mortes de chefes de uma facção no Ceará. “O clima em São Paulo é de absoluta tranquilidade. Fora dos presídios também. Nossas inteligências, as polícias Civil e Militar, também não detectaram fora do presídio nada que justifique temor”, garantiu.

Espírito Santo. Na manhã desta quarta-feira, 21, o secretário de Estado da Segurança Pública do Espírito Santo (Sesp/ES), André Garcia, garantiu que as polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal vão monitorar 198 quilômetros de fronteiras do Estado capixaba com o Rio de Janeiro e Minas Gerais. Será a chamada Operação Divisa.
Ao todo, serão montados oito pontos de bloqueio, mas somente um, que ficará na BR-101, foi divulgado. Os demais locais onde os bloqueios serão instalados não foram informados pelo secretário, segundo ele, para garantir o sucesso da operação. O total do reforço policial nesses pontos custará aos cofres públicos aproximadamente R$ 2,5 milhões.

De acordo com Garcia, o monitoramento terá início nesta quinta-feira, 22, e a previsão é de que os trabalhos sejam realizados por pelo menos dois meses e meio. Para garantir o monitoramento, serão utilizados, além das viaturas, três drones e helicópteros. O policiamento será realizado por 150 policiais, sendo 130 policiais militares e civis e 20 policiais rodoviários federais.

No entanto, para garantir a presença da PRF na operação, Garcia solicitará ao governo federal o retorno ao Espírito Santo de aproximadamente 15 policiais rodoviários federais que estão atuando no Rio desde o ano passado. Para isso, ele irá a São Paulo se reunir com o ministro da Justiça, Torquato Jardim, e fará a solicitação pessoalmente.

“É um plano de prevenção, pois não há indícios de que haja migração de criminosos do Rio de Janeiro para o Espírito Santo. É uma iniciativa que leva em consideração uma possibilidade eventual”, disse o secretário. Estadão.


Na manhã desta quarta-feira, 21, o prefeito de Jequié, Sérgio da Gameleira, esteve na Caixa Econômica Federal, em Jequié, assinando contratos de repasses de recursos. O prefeito esteve acompanhado do secretário de Desenvolvimento Econômico, Celso Galvão. Na ocasião, estiveram presentes, também para assinatura de contratos, o prefeito de Itagí, Olival Andrade; o prefeito de Irajuba, Jerônimo de Oliveira; a prefeita de Itiruçu, Lorenna Di Gregório; o prefeito de Iramaia, Antônio Carlos Bastos; o prefeito de Apuarema, Raival Pinheiro; o prefeito de Maracás, Uilson Venâncio Gomes de Novaes; o prefeito de Jaguaquara, Giuliano de Andrade Martinelli, e Bruna Pereira, representando o prefeito, José Freitas, de Lafaiete Coutinho. A caixa Econômica Federal estava representada pelo gerente geral da agência Jequié, Jessé Almeida; pelo gerente geral da agência Cidade Sol, Ricardo Rehem; pelo gerente regional de Governo e Judiciário da Superintendência da Caixa, Alberto Catarino; pelo superintendente em exercício, Fares Haum; pelo gerente geral da Construção Civil, Antônio Almeida; pelo gerente geral da agência de Jaguaquara, Fralcídes Andrade e pela representante de Habitação, Evelyn Amorim.

 

Os contratos de repasses firmados entre o município e a União em 2017, viabilizados pelos deputados federais Antonio Brito e Bebeto Galvão e pela senadora Lídice da Mata, tendo a Caixa Econômica Federal como mandatária do Governo Federal, são para a implantação e modernização de infraestrutura esportiva, com investimento de R$ 250.000,00; a reforma do Mercado Municipal, com investimento de R$ 250.000,00; a ampliação e reforma da cobertura do Centro de Abastecimento Vicente Grillo, com investimento de R$ R$ 497.250,00 e a reforma e recuperação da infraestrutura do Centro de Abastecimento Vicente Grillo, com investimento de R$ 255.000,00.

“A Caixa tem um processo de acompanhamento desses convênios e das obras, esses recursos vêm do orçamento geral da União, e o que estamos fazendo aqui hoje é promover, dando visibilidade, para que a população e os munícipes tomem conhecimento desses processos e dos recursos que estão chegando ao seu município, até mesmo para que eles acompanhem e façam uma gestão, busquem as informações e saibam o que está acontecendo para o município e para o prefeito da cidade, todo esforço que ele teve, tanto para trazer o recurso para o município como trâmite normal até a conclusão da obra.”, disse Alberto Cantarino, gerente regional da Caixa.



Prefeita assinou convênio para construção de 100 casas

A prefeita de Itiruçu, Lorenna Di Gregorio (PRB), assinou, na manhã desta quarta-feira (21), em Jequié, na sede da Caixa Econômica,  o Convênio para construção de unidades habitacionais populares destinadas ao atendimento da necessidade de moradia da população de baixa renda, no âmbito do Programa Minha Casa Minha Vida – PMCMV.  A assinatura contou com a presença do superintendente da Caixa Econômica, Alberto Catarino e de  Antonio Almeida, coordenador do setor de Habitação.

As residências foram divididas para dois residenciais, sendo,  um localizado no Bairro do Real, nomeado de Loteamento D’MILANO, medindo 111m, onde serão construídas 50 casas.

Já o segundo loteamento,   nomeado de NOVA ITÁLIA, ficará situado na Avenida João Durval Carneiro, área total de 14.400,00 m², mais precisamente,  próximo à localidade do Beija-Flor, entre o campo de futebol e a Creche escola, que receberá a construção de mais 50 residências.

Além de Itiruçu, outros municípios também assinaram os convênios para construção de casas no âmbito do mesmo programa, a exemplo de Jequié, representada pelo prefeito Sérgio da Gameleira e; Soya, prefeito de Maracás, dentre outros.

A prefeita Dra. Lorenna, comemorou muito a assinatura do  convênio, pois, para ela, é uma obra que aquecerá a economia local com a geração de empregos diretos e indiretos.  “É a primeira vez que Itiruçu recebe casas do Programa Minha Casa Minha Vida. Serão 100 unidades para serem construídas em dois loteamentos. É uma satisfação saber que iremos colaborar com a economia do município na geração de empregos, tendo a obra uma previsão para 60 empregos diretos entre pedreiros, ajudantes, pintores e carpinteiros.”, comemorou durante contato com o Blog Itiruçu Online.

A prefeitura deve estabelecer já nos próximos dias o cronograma de andamento da obra, em breve teremos mais notícias. O prazo para finalizar o projeto é de 02 anos.


O subcomandante da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Vila Kennedy, Guilherme Lopes da Cruz, de 26 anos, foi assassinado na madrugada desta quarta-feira na Estrada do Gabinal, na Freguesia de Jacarepaguá, bairro da Zona Oeste do Rio de Janeiro. O crime ocorreu após o 2º Tenente reagir a uma tentativa de assalto. Segundo informações da Coordenadoria de Comunicação Social da Polícia Militar do Rio de Janeiro, o policial estava em uma lanchonete quando foi abordado por criminosos, que não tiveram seus nomes divulgados.

Esta é a segunda morte de policial confirmada em dois dias. Na manhã desta terça, o 2º Sargento do Exército Bruno Cazuca, de 35 anos, foi morto em Campo Grande, bairro da Zona Oeste. Ele dirigia seu carro, quando houve uma tentativa de assalto na estrada Rio-SP. O sargento reagiu e foi atingido. No início do mês, o soldado Dejair Jardim do Nascimento, de 29 anos, da UPP da Rocinha, Zona Sul, foi assassinado quando chegava a um supermercado em São Gonçalo, município da Região Metropolitana do Rio de Janeiro.


Após análise e visando promover maior fluidez do trânsito, no entorno da Praça Luiz Viana Filho, no Centro da cidade, a Prefeitura de Jequié, através da Superintendência Municipal de Trânsito (SUMTRAN), implantará a partir desta quinta-feira, 22, um ponto de parada para ônibus urbano, na Rua Lindolfo Rocha, também no Centro.

A partir desta data, por determinação da SUMTRAN, está proibida a parada de ônibus intermunicipal que funciona no ponto de ônibus da Rua Lindolfo Rocha. A medida visa evitar a parada irregular de ônibus em frente da Igreja Universal do Reino de Deus onde, por conta do desembarque de passageiros, ocasiona transtornos, gerando lentidão naquele perímetro.

Os ônibus intermunicipais continuarão com pontos de desembarque no terminal rodoviário de Jequié, no bairro do Joaquim Romão; no bairro do Mandacaru, após a Policlínica Regional; e no Oásis, no bairro do Jequiezinho.

A SUMTRAN lembra, ainda, aos condutores que é proibido estacionar no espaço de 10 metros antes e 10 metros após o marco de parada de ônibus, conforme versa o artigo 181 inciso XIII do Código de Trânsito Brasileiro, que é a lei que regulamenta o trânsito no país.

“Reconhecemos que a cidade cresceu e a frota de veículos está cada dia maior, por isso a parada desses ônibus intermunicipais naquele trecho da área central da cidade ficou inviável. Procuramos, com essa medida oferecer mais fluidez no trânsito no entorno da Praça Luiz Viana.”, destacou o superintendente da SUMTRAN, Luiz Cruz.
A Prefeitura de Jequié, por meio da SUMTRAN e em conjunto com a Secretaria de Infraestrutura analisa, ainda, outras mudanças a serem implementadas nas proximidades da Praça Luiz Viana Filho, com o objetivo de desafogar o trânsito na área central da cidade.


Na tarde do último dia  (19), a Polícia Rodoviária Federal prendeu, no sudoeste do estado, uma traficante transportando droga de Foz do Iguaçu/PR para João Pessoa/PB. O fato ocorreu por volta das 14 h, no KM 830 da BR 116, trecho do município baiano de Vitória da Conquista.

O flagrante foi registrado quando os PRFs abordaram um ônibus interestadual que fazia a linha São Paulo/SP X Natal/RN. Durante a fiscalização, os policiais encontraram, no bagageiro, em uma mala de cor verde, quatro tabletes de entorpecente, sendo três de crack e um de cocaína. Identificada a proprietária da droga, ela informou à equipe que receberia determinada quantia para o transporte do material. A mulher foi detida e encaminhada à delegacia de polícia judiciária local onde responderá por tráfico de drogas.


O Senado aprovou, por 55 votos a 13 e uma abstenção, o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro para a área da segurança pública. Com a aprovação da medida pelos deputados e, agora, pelos senadores, o governo federal foi autorizado a nomear um interventor no estado devido ao “grave comprometimento da ordem pública”, como solicitado pelo presidente Michel Temer na última sexta-feira (16).

A votação no Senado durou pouco mais de três horas, a metade do tempo utilizado pela Câmara para discutir e aprovar o decreto, por 340 votos a 72, na madrugada de hoje (20). É a primeira vez que a União intervém em um estado desde 1988.

Durante a sessão, cinco oradores discursaram favoravelmente ao decreto, e cinco contra. Além de questões de ordem para que a votação não ocorresse, a oposição solicitou a criação de uma comissão externa temporária para fiscalizar os desdobramentos da intervenção. Após a confirmação dos parlamentares, cabe agora ao presidente do Congresso, Eunício Oliveira (MDB-CE), publicar um decreto legislativo referendando o decreto e autorizando a nomeação do general Walter Braga Netto.


Diversos moradores da orla de Salvador viram um forte clarão surgir no céu por volta das 22h30 desta terça-feira (20). Há relatos em bairros como Pituba, Brotas, Imbuí e Stiep, além de áreas da Região Metropolitana de Salvador, como Lauro de Freitas e Guarajuba. Até mesmo comentários em Itaberaba, na Chapada Diamantina, e Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, no Vale Jiquiriçá e Jequié, foram identificados.

Não há detalhes sobre o que teria causado o clarão, mas algumas pessoas pensaram se tratar de um trovão, fogos de artifício, um avião pegando fogo e até um meteoro que teria caído no Litoral Norte. “Alguém mais viu um ‘meteoro’ cruzando a Pituba agora?”, questionou um internauta no Facebook. “Eu não sei de foi uma estrela cadente, mas acabei de ver uma bola de fogo caindo do céu com um clarão enorme. Mais alguém de Salvador viu?”, contou outro no Twitter. “Alguém explica esse clarão no céu de Salvador? E esse objeto caindo e pegando fogo? Não sei o que foi, nunca vi nada assim. Não vou mentir ué, na dúvida, eu fiz até pedido. Tô morrendo de curiosidade”, brincou outro. Não há registro sobre barulhos após o clarão. BN.


Uma moto modelo Honda CG 150,ano 2007, de placa JPX- 9313, licenciada de Itiruçu, foi tomada de assalto nas imediações da Praça da Bíblia na noite desta terça-feira (20), por volta das 20h40.

Proprietário ao lado da moto.

De acordo com informações colhidas pelo Blog Itiruçu Online, dois elementos em uma outra moto de dados ignorados, seguiram o proprietário da moto tomada de assalto, conhecido por Miguel de Pelé e,  após o mesmo ter saído de um culto na Igreja Mundial  ,que fica ao lado dos Box na Praça Gilberto Scaldaferri, seguindo-o até as imediações da Praça da Bíblia, onde  deram ordem de parada e com um revolver de calibre ignorado anunciaram o assalto. Os meliantes só levaram a moto. Ninguém ficou ferido.

A Polícia de toda região fará cercos para tentar chegar aos militantes. Até o fechamento desta edição ninguém havia sido preso.