Motociclista do Entroncamento de Jaguaquara foi conduzido a delegacia de Itiruçu após desobedecer fiscalização sanitária

Um motociclista foi conduzido a delegacia de Itiruçu após não ter obedecido as orientações do Decreto Municipal do município durante a fiscalização da barreira Sanitária, que fica situada na Guarita da Obra ainda inacabada do Portal da Cidade, próximo a Igrejinha dos Italianos, nesta sexta-feira (15).

De acordo com informações da Polícia Militar, a condução ocorreu quando o indivíduo de iniciais E.G.G., residente no Entroncamento de Jaguaquara, ultrapassou a barreira, após ordem de parada, para efetuar cobranças no município. O cobrador denunciado e posteriormente localizado, sendo apresentado a delegacia territorial, juntamente com o veículo, para adoção de medidas cabíveis.

O serviços de cobranças estão suspensas no município, principalmente  de pessoas oirudas de outras cidades. Do Entroncamento de Jaguaquara, localidade que já apresentou casos de  Covid-19, a fiscalização é ainda maior. Jaguaquara proibiu feirantes do município de continuarem trabalhando na Feira Livre durante o período e, no entanto, os Itiruçuenses irão obedecer, mesmo tentando estabelecer o diálogo para continuarem a atividade.

Furando Barreira

Por outro lado, houve relatos durante a semana de pessoas terem entrado na cidade pela via de acesso de quem trafega na saída para Lajedo do Tabocal, na velha estrada, com alegações de ter sido autorizado a circulação de pessoas e veículos que são do município, caminho utilizado por moradores de outros municípios.

Dever do cidadão

A ação de combate é dever do município estimular e fazer valer as orientações, mas é preciso que cada cidadão colabore com as medidas para o bem coletivo. Desobedecer as medidas, além de ser um crime, é comprovar falta de respeito com a sociedade.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas