Morre aos 89 anos humorista intérprete do personagem Zé Bonitinho

O humorista Jorge Loredo, conhecido pelo personagem Zé Bonitinho, de 89 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (26), no Rio de Janeiro. O artista estava internado desde fevereiro no Hospital São Lucas, que confirmou a informação.

Jorge fez sucesso com os esquetes do programa “A Praça É Nossa”, no SBT, e estava trabalhando até 2 anos atrás. ”Zé Bonitinho”, o perigote das mulheres, como o personagem de Loredo se apresentava nos esquetes de humorísticos, continuou no ar durante mais de 50 anos.

De acordo com o boletim médico, Loredo lutava há anos contra uma doença pulmonar obstrutiva crônica grave e um enfisema pulmonar, que o levaram à falência múltipla de órgãos.

Nascido em 7 de maio de 1925, Loredo se descobriu ator após o que parecia uma tragédia. Internado aos 20 anos de idade devido a uma tuberculose, ele começou a frequentar o grupo de teatro do hospital por conselho de um médico, e assim apaixonou-se pela atuação.

Desde 1959, o ator atuou em 12 filmes, dentre os quais “Sem Essa, Aranha”, de 1970, “O Abismo”, de 1977, “Chega de Saudade”, de 2008, e “O Palhaço”, de 2011; além de “Câmera, Close”, documentário do qual ele foi o tema em 2005.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas