Maracás: Após intervenção de ex-prefeito, PT vai à justiça para garantir candidatura de Dico

Vereador Dico foi escolhido em convenção

Vereador Dico foi escolhido em convenção

Enquanto as cidades da região já definiram os nomes para concorre as eleições municipais deste ano, a cidade de Maracás parece que terá uma das candidaturas decididas na justiça. A chapa até então confirmada é do empresário Soya do PDT, que definirá o vice em sua convenção e a candidatura do atual prefeito Paulo dos Anjos, pelo PSL. Serão 03 candidaturas.

No último dia 26-07, foi realizada a primeira convenção partidária para as eleições municipais deste ano, a convenção do PT (Partido dos Trabalhadores), definindo que o PT teria como candidato, escolhido em votação entre filiados, o vereador Dico de Edmundo (PT). O evento aconteceu na sede do partido. Dico de Edmundo exerce o segundo mandato na cidade.

Mas, nem tudo está tranquilo para a chapa petista, que deve agora recorrer à justiça para garantir o nome do vereador como candidato do partido. Ocorre que, de acordo informações obtidas pelo Blog Itiruçu Online, sob a influencia do ex-prefeito Nelson Portela, o partido mudou a orientação local e até a diretoria subiu na ação da ditatura e destituíram a comissão da cidade, dando ao ex-prefeito plenos poderes de decisão e à condição de ele (ex-prefeito Nelson) comandar o nome do PT nas eleições. A maior reclamação dos filiados é que o ex-prefeito ocupa cargo de influencia junto ao governo da Bahia e até o momento não chegou a Maracás grandes obras, como a sede da esperada policlínica, que será construída em Jequié.

O presidente do PT, que somo 32 anos seguindo o Partido dos Trabalhadores, e já acionou na justiça para ter o  direito constitucional , inclusive de reger o que decidiu seus filiados e assim assegurar o nome do vereador Dico de Edmundo como prefeituravél.

Ocorre que, como o atual prefeito Paulo dos Anjos deseja concorrer à reeleição, o ex-prefeito Nelson Portela, que ocupa o cargo de Coordenador dos Consórcios Públicos na Bahia, também, segundo o informado, tem  o desejo de retornar à prefeitura e, como o seu partido, o PT, não reza sua cartilha, ele ( Nelson) resolveu usar de sua influencia e garantir sua voz nas eleições municipais.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas