Maracaense estava entre as vítimas mortas pisoteadas durante Baile funk em São Paulo

Um baile funk na comunidade de Paraisópolis, em São Paulo, terminou em tragédia na madrugada deste domingo (1º). Nove pessoas morreram pisoteadas e duas ficaram feridas após uma troca de tiros entre dois homens que estariam em uma motocicleta e policiais militares que realizavam a Operação ‘Pancadão’ no local. Estimativa é de que 5 mil participavam do evento.

Dentre os mortos, estava o Maracaense Mateus dos Santos Costa, de 23 anos, que foi pisoteado depois da intervenção da Polícia Militar.  Na festa havia mais de 5.000 pessoas. O corpo de Mateus será transladado para sua cidade natal, Maracás, onde será sepultado pelos familiares.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas