Judiciário reúne prefeitos do Vale para discutir alinhamento de ações contra o COVID-19; aulas estão suspensas por 30 dias

O Poder Judiciário, representado pela  Juíza da Vara de Jurisdição de Jaguaquara,  Dra. Andrea Leal Palmarella e pelo promotor Dr. Lúcio Mendes, convocou uma reunião com os prefeitos de Jaguaquara, Itiruçu, Lajedo do Tabocal, Nova Itarana e Planaltino para discutir uma série de medidas que visam conter o avanço do novo coronavírus (Covid-19) na Bahia. A ideia do encontro foi para unificar medidas. A reunião foi realizada no espaço da Câmara de vereadores de Jaguaquara nesta quarta-feira,18.

As ações serão publicadas em decreto na edição do Diário Oficial de cada cidade.  O ponto principal do decreto é a suspensão das aulas por 30 dias na rede municipal, privada e na rede estadual de ensino, dentre diversas outras medidas protetivas de saúde que já foram tomadas por alguns municípios. Outras medidas locais serão adequadas para o funcionamento do comércio, em especial para serviços que por natural forçam a aglomeração de pessoas, bem como manter atenção para evitar a realização de festas e eventos.

Presentes, os prefeitos Juliano Martinelli, de Jaguaquara; Danilo, de Nova Itarana; Lorenna Di Gregorio, de Itiruçu; João Freitas, de Lafaiete Coutinho; Mariane Fagundes, de Lajedo do Tabocal; e Marco Aurélio de Itaquara. Todos os municípios adotarão medidas na tratativa de evitarem o avanço do coronavírus. Os prefeitos estiveram acompanhados de seus secretários de saúde e educação.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas