Itiruçu: Projeto de Auxílio para pequenos comerciantes não foi enviado à Câmara pela prefeitura antes do recesso

Prefeitura deve enviar projeto de auxilio à Câmara. Foto/Blog Itiruçu Online.

A Indicação aprovada pela Câmara de vereadores, de autoria do vereador Robertão, solicitando da prefeitura de Itiruçu que utilize recursos destinados pelo governo federal para criar um auxilio municipal que beneficie pequenos comerciantes que estão com suas atividades comprometidas pelos decretos municipais de proibições, ainda aguarda a criação do projeto.

Com a Câmara em recesso, o projeto não foi enviado pela prefeitura no prazo do 1º semestre. De acordo com o presidente da Câmara, vereador Nino Mota, caso o município precise que a Câmara retorne do recesso para aprovar o projeto, é questão de prioridade aprovar.  Antes, havia uma expectativa de criação do projeto quando vereadores da base aliada se reuniram com a prefeita Lorenna solicitando o mesmo projeto, mas a indicação partiu do vereador de oposição, tendo 02 votos contra – Agnaldinho e Ito do Feto – e duas abstenções – de Ezequiel Borges e Jó de Jú.

Nos últimos dias foram enviados ao Itiruçu Online questionamentos feitos pelos comerciantes sobre o Projeto. Procurado pelo Itiruçu Online, o setor da controladoria do município afirmou que, existe um estudo para fazer um projeto que agregue não apenas os comerciantes, mas também outras pessoas em situações de riscos sociais motivados pelas ações de combate ao novo coronavírus. Pequenos comércios e seus empregados deverão entrar na lista de beneficiados. No entanto, o município deve aguardar a retomada das atividades legislativas para apresentar a medida.

Certo é que, muitos comerciantes não foram aprovados no auxílio do governo federal e estão com suas atividades suspensas. Na FM local, no programa Giro Total, houve diversas reclamações ao vivo feitas por pequenos comerciantes cobrando ajudas.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas