Importante: Urna eletrônica terá áudio para deficientes visuais

uiuiuiui

A votação de outubro será a primeira em que o áudio da urna eletrônica será disponibilizado para deficientes visuais e eleitores que tem dificuldades para enxergar. A liberação do áudio pode ser feita da hora pelo mesário presidente da sessão, que disponibilizará um fone de ouvido para que o eleitor possa ouvir as instruções da urna, dando uma maior autonomia ao eleitor para realizar a votação. A corte do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) disponibilizou o áudio em todo o Brasil no ano passado, após uma solicitação do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-PR).

Todas as cidades regionais já podem ensinar pessoas com deficiência para que, se quiserem votar, terão esse auxilio na hora do voto.  Será permitido o acompanhamento de parentes até terceiro grau.

O treinamento de quem trabalha nas seções é um dos pontos que precisa ser melhor focado. Muitos não sabem como guiar uma pessoa com deficiência visual. As escolas que abrigam seções eleitorais não têm a adaptação necessária. Muitos locais não têm o piso tátil para chegar até o lugar da votação e muitas escolas ficam em locais difíceis. Mais uma conquista dos deficientes visuais.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas