Falso dentista que exercia a profissão há 10 anos é preso no norte baiano

Um homem identificado como Abimael Pereira de Matos, foi preso na quinta-feira, 23, na cidade de Jaguarari (distante a 409 km de Salavador), na região centro-norte da Bahia. Ele exercia a profissão de cirurgião-dentista sem ter formação na área. Abimael foi preso após o Conselho Regional de Odontologia da Bahia (CRO-BA) receber denúncias de exercício ilegal da profissão. No momento da abordagem, o falso dentista não atendia ninguém, mas confirmou que realizava as consultas.

Segundo ele, procedimentos como extração e obturação eram realizados por ele há cerca de 10 anos. Além disso, as equipes da Polícia Militar (PM-BA) ainda interditou o estabelecimento por constarem que não possuía alvará sanitário.

O suspeito foi preso em flagrante e conduzido à unidade policial, onde prestou depoimento e foi solto após pagar fiança. O valor da liberação não foi revelado. Um Termo Circunstanciado de Ocorrência foi instaurado, por compreender que se trata de um crime de “menor potencial ofensivo”.

De acordo com o presidente da Comissão de Fiscalização do conselho, Érico Brito, a prática criminosa coloca em risco a saúde da população e revelou que a classe espera um agravamento da pena de reclusão, de 2 a 6 anos, além de multa.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas