Ex-presidiário é denunciado por ameaças e morre ao resistir ação da PM no Entroncamento de Jaguaquara

O ex-presidiário, Marcos Roberto Braz dos Santos, 38 anos, morreu ao resistir uma ação da Polícia Militar no Entroncamento de Jaguaquara, na tarde desta quarta-feira (14), na localidade da Lagoa Nova.

 

De acordo com informações obtidas pelo Itiruçu Online junto a PM, o individuo foi denunciado por ameaçar moradores da comunidade com arma de fogo na tarde desta quarta-feira (14). Segundo a PM, uma guarnição foi enviada para averiguar a informação, chegando ao local indicado, os policiais visualizaram um indivíduo com as características indicadas na denúncia, que ao notar a presença da polícia correu para o interior de uma residência. Os policiais adentraram o imóvel e foram recebidos por disparos de arma de fogo por parte do resistente. A PM iniciou o revide atingindo o elemento, sendo de imediato prestado socorro para o Hospital Municipal de Jaguaquara, onde após ser atendido pelo médico plantonista e, posteriormente identificado, foi a óbito.

Marcos Roberto Braz dos Santos é acusado de diversos roubos na região, onde em suas ações agia com extrema violência e que já havia sido condenado pelo mesmo crime. Com o ex-presidiário foi encontrado: 01 Revólver Taurus, calibre .38, com numeração suprimida, com 02 munições deflagradas, 01 picotada e 01 intacta; 01 porção pequena de substância análoga à maconha; e 01 Dixavador (triturador de maconha).


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas