Ex-deputado pelo PT e conselheiro do TCE, Zezéu Ribeiro morre em SP

zezeuribeiro

Morreu em São Paulo nesta quarta-feira (25) Zézéu Ribeiro, 65 anos, conselheiro do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE) e uma das principais referências do PT do estado. Ele tinha sido transferido de Salvador para o Hospital Sírio-Libanes após hemorragia digestiva e aguardava por um transplante de fígado.

A informação foi confirmada pelo irmão Pola Ribeiro, comunicador e cineasta. O hospital não divulgou boletim médico. Ele foi deputado federal por três mandatos pelo PT, secretário do Planejamento da gestão do ex-governador Jaques Wagner. O governo decretou três dias de luto. Na quarta-feira (25), Zezéu recebeu visita do governador Rui Costa.

 

Rui Costa decreta luto de três dias pela morte de Zezéu Ribeiro

O governador Rui Costa decretou luto oficial de três dias no estado pela morte, nesta quarta-feira (25), do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Zezéu Ribeiro, aos 65 anos. Ao ser comunicado sobre o falecimento, ele lembrou a recente visita que fez a Zezéu, em São Paulo, e destacou a atuação dele na defesa de políticas de habitação e na superação das desigualdades regionais no país. Leia a nota de pesar na íntegra abaixo.

“Ainda ontem, estive no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, visitando o companheiro Zezéu Ribeiro, que lutava pela vida. Quis o destino que hoje ele viesse a falecer e que aquele encontro fosse nossa despedida. Lembro de quando nos conhecemos, mais jovens e iniciando a luta por uma Bahia mais justa, companheiros de ideais e do Partido dos Trabalhadores. A memória é de um companheiro exemplar, de sorriso fácil e de grande dedicação à causa pública e ao bem comum.

Zezéu foi um grande homem, um político de destacada atuação por onde passou, sua partida é uma grande perda para a Bahia e para o Partido dos Trabalhadores. Arquiteto e urbanista, ele foi um dos maiores defensores das políticas de habitação e da superação das desigualdades regionais no país. Fica aqui o agradecimento por tudo que passamos juntos, pelas contribuições que deu ao partido e à Bahia. Em sua memória decretamos três dias de luto oficial”.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas