Em Jequié, moradores interditam acesso a Bairro e cobram melhorias

Fotos Tote Andrade

Fotos Tote Andrade

A situação em Jequié complica a cada dia. Líder de homicídios na região, a cidade está se tornando campeã de reclamações dos serviços públicos prestados pelo município, embora não seja novidade na cidade sol, mas os reclames têm se agravado nos últimos anos em virtudes das más administrações que geriram a cidade.

Por volta das 06 horas da manhã, desta segunda-feira (21), moradores da Baixa do Bomfim, dos residenciais Vida Nova e Cachoeirinha, interditaram as principais vias de acesso ao Bairro. Eles atearam fogo em pneus e móveis usados para coibir o trânsito de veículos, na intenção de chamar á atenção da poder público local e provocar melhorias urgentes nas localidades.

Os protestos tiveram como reivindicações a pavimentação da Rua que dá acesso ao Presídio, reposição de lâmpadas nos postes, dentre e outros. A situação ficou agravada devido aos fortes chuvas que caíram na cidade nos últimos dias, com as enxurradas invadindo casas e causando prejuízos.

 major

 Segundo o major da polícia militar Ubirajara, que esteve com a guarnição negociando a liberação das vias com os moradores, tudo ocorreu de forma pacífica. “Estivemos atendendo um anseio na nossa sociedade da comunidade de Jequié, após uma manifestação que entendemos como pacífica realizada pelas pessoas da comunidade Baixa do Bonfim, reivindicando a revitalização do bairro. Podemos observar que realmente eles precisam de uma atenção maior por parte das autoridades, são muitos buracos e as chuvas que ocorreram nos últimos dias agravou a situação. Depois desta ação, as autoridades devem solucionar os reclames protestados. Tivemos uma conversa amistosa, não houve nenhuma forma de enfrentamento, o pessoal respeita muito a Polícia Militar, nós também nos dirigimos a eles de forma muito respeitosa, compreendemos a situação deles e de igual forma a Polícia Militar foi entendida. Isso é muito bom, pois ganha a Polícia e o povo de Jequié”, relatou o Major Ubirajara, Sub Comandante da Polícia Militar de Jequié.

“Aqui nós estamos vivendo pior do que um porco. Por onde passamos são muitos buracos e não estamos tendo apoio de ninguém, por isso temos que tomar uma decisão. A prefeita tem que trabalhar. Ai eu pergunto: não tem prefeita em Jequié não?”, reclamou à moradora Carine Santos.  O Repórter Tote Andrade esteve no local gravando com os moradores , ouvindo os reclames da população de Jequié.

Após o fim da negociação, o carro do corpo de bombeiro esteve no local para apagar às chamas.

Blog Itiruçu Online.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas