Em Ibirataia, casal  é preso acusado de  tráfico de drogas

Duas pessoas foram presas na cidade de Ibirataia acusadas de trafico de drogas. De acordo com informações da Cipe Central ao Itiruçu Online, a ação que desencadeou na prisão de um casal ocorreu durante ação de patrulhamento na cidade, quando no Bairro Mirassol os cipianos avistaram um indivíduo em atitude suspeita, que ao perceber a presença policial adentrou numa residência fechando o acesso de forma abrupta. A atitude provocou a suspeita da guarnição policial de que algo de ilícito poderia estar ocorrendo naquele ambiente.

Os policiais tiveram ordem para verificar a residência do suspeito e perceberam que o acusado, identificado por Fernando Santos Queiroz, de 39 anos, havia arremessado algo sobre o telhado de vizinhos.  Após adentraram a residência os policiais encontraram uma mulher identificada como Luciana Santos, de 29 anos,  alegando ser residente no local.

Dando prosseguimento a ação policial, foi realizada a busca no perímetro, confirmando a suspeita ao ser encontrado uma porção de substâncias análoga a cocaína, além de outros objetos que indicam tráfico de drogas como balança de precisão e certa quantia em dinheiro trocado. Interpelado sobre o fato o individuo confirmou ser substância ilícita, que estava traficando para complementar a renda, e que além daquela porção haveria outra quantidade enterrada num sítio o qual exerce a atividade de meeiro na produção e colheita de cacau. Na zona rural supracitada, localidade das três Barras foram encontrados outras substâncias ilícitas.

Salienta-se que Fernando possui passagem policial por associação ao tráfico, provando que o mesmo é contumaz na prática criminal. Após o ocorrido todos envolvidos, pertences pessoais e ilícitos foram apresentados na delegacia local para adoção das medidas cabíveis.

Materiais apresentados:

08 embalagens maiores de substância análoga a cocaína, pesando cerca de 80g; 08 embalagens menores de substância análoga a cocaína pronta para serem  comercializadas, pesando cerca de 10g;um pote contendo 120g de uma substância análoga a cocaína; 01 carteira porta cédula; 01 balança de precisão; Embalagens plásticas para comercialização de entorpecentes e fitas adesiva;  R$243,40 (duzentos e quarenta e três reais e quarenta centavos) e 03 aparelhos celulares todos da marca SAMSUNG.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas