Congresso apresenta um novo olhar sobre o Nordeste

congressoupb

Economia do Nordeste: um novo olhar sobre o município foi o tema da palestra de hoje, dia 12 de novembro, no Centro de Convenções da Bahia, em Salvador. A conferência faz parte do Congresso Nordestino de Municípios que a UPB está realizando com as presenças de presidentes de associações municipalistas de nove estados do Nordeste. O tema foi exposto pelo advogado José Guedes de Campos Barros.

Em sua palestra, Guedes contou uma história de 50 anos de municipalismo no Brasil. Enfatizando que “não existe outra solução para vida em comunidade que não seja no município. Quanto mais fortes os municípios, menos violentos serão os estados. Menos risco de totalitarismo, de ditadura, de violência”, disse.

upbcongresso

Mostrou também as diversas transformações econômicas no Nordeste que antes era considerada uma “região problema” e hoje apresenta uma diversificada atividade econômica, que vem se acelerando nos últimos anos, fato que contribui decisivamente para o melhor desenvolvimento local.

Falou do processo de industrialização, da agricultura familiar, da fruticultura irrigada, das potencialidades turísticas. A atividade turística do Nordeste é um fator importante para a economia da região. A região concentra grandes áreas repletas de belezas naturais como o extenso litoral, com praias de águas quentes e cristalinas, que estão entre as mais bonitas do país, o Arquipélago de Fernando de Noronha (PE), um paraíso ecológico, o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, os Canyons do São Francisco entre outros.

nordeste

Na Região Nordeste está localizada cidades históricas, Patrimônio da Humanidade, como os centros históricos de Olinda (PE), São Luís (MA) e Salvador (BA). A cidade de João Pessoa guarda construções barrocas do século XVI. O centro histórico do Recife concentra um grande número de construções históricas. O teatro de Nova Jerusalém (PE), o maior teatro ao ar livre do mundo, já levou para a região mais de três milhões de pessoas.

congressoupb

O Congresso conta com a participação de presidentes de associações municipalistas dos noves estados do Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe). Entre prefeitos (as), vereadores(as), servidores municipais, autoridades, expositores e patrocinadores interessados em avançar no processo da gestão pública dos municípios nordestinos.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas