Um ônibus tombou na BA-421, em trecho que fica na cidade de Piritiba, região da Chapada Diamantina, por volta das 9h desta quinta-feira (12). De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), ao menos cinco pessoas morreram no acidente.

O número de feridos ainda não foi contabilizado. O ônibus partiu da cidade de Itaberaba e tinha como destino Jacobina, em uma viagem de cerca de 207 km. O veículo era de transporte particular e estava fretado. A PRE não soube informar para onde os feridos foram socorridos. A polícia vai investigar as circunstâncias do acidente.


A professora Sirlene Pinto, sofreu um acidente automobilístico quando voltava do trabalho em uma escola na zona rural de Planaltino, na tarde da última sexta-feira (07). De acordo informações obtidas pelo Itiruçu Online, a professora dirigia um veículo FORD/KA de Placa JMR-7591, licenciado de Itiruçu, quando passou em um banco de areia e acabou perdendo o controle da direção e capotou na estrada, ficando o veículo com os quatro  pneus para cima.

A professora chegou a ser socorrida para a Unidade do PSF da comunidade da Angélica encaminhada para o Hospital Santa Helena em Jequié, com hematomas e os olhos atingidos por vidros do veículo, além de fratura no ombro esquerdo. De acordo com a vítima ao Itiruçu Online, sua situação clinica é de recuperação após ter realizado cirurgia para retirar vidro do olho.

A professora postou na sua rede social agradecimentos a Deus pelo livramento, após ver as imagens do veículo com os 4 pneus para cima. “Temos o dia e a hora de partir desse mundo… A palavra de Deus é amor e devemos praticar o amor de Deus sempre para que ele esteja sempre conosco e nos livrar do mau. Obrigada Deus! Obrigada a todos que esteve comigo pessoalmente ou por mensagem e que continua me encorajando a superar… Deus sabe que estava voltando do meu trabalho, e ele foi justo comigo e me colocou em suas mãos”, postou a professora, acompanhada do salmo 91. Sirlene é itiruçuense e atualmente mora em Maracás e trabalha em Planaltino.


Acidente ocorreu em trecho da BR-242, na Bahia (Foto: Edivaldo Braga / BlogBraga)

Um homem de 31 anos morreu durante uma batida entre uma carreta e caminhão em um trecho da BR-242, no município de Muquém de São Francisco, no oeste da Bahia. O acidente ocorreu na manhã de domingo (8), por volta das 6h30.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima, identificada como Alexandre Braz Gonçalves Araújo, estava conduzindo a carreta que bateu na traseira do caminhão. Ele morreu na hora. O condutor do caminhão não ficou ferido.

Alexandre Braz Gonçalves Araújo, de 31 anos, morreu no local do acidente (Foto: Reprodução / Facebook )

Alexandre Braz, que saiu Barreiras e seguia para Salvador, estava fazendo transporte de adubo. A vítima foi resgatada por agentes do 17º Grupamento de Bombeiros Militares. As causas da batida ainda estão sendo apuradas.

A oito quilômetros do lugar do acidente, duas pessoas morreram após uma colisão entre uma carreta e um caminhão no município de Cristópolis, também na manhã de domingo.


Fotos do Blog Itiruçu Online.

Três veículos acabaram se envolvendo em um acidente na noite desta sexta-feira (06) na BA-250, por volta das 19h20, no perímetro do município de Itiruçu, na localidade conhecida por ladeira da Firma. De acordo com informações colhidas no local pelo Blog Itiruçu Online, a colisão foi provocada pelo motorista de uma Fiat/Strada de placa JSW-5861, cor vermelha, licenciada de Valença, dirigida por um senhor de nome Antonio, que disse ao Blog ser morador da cidade de Jaguaquara.

Veículo foi jogado para fora da pista.

Ainda segundo relatos, o Fiat/Strada dirigida pelo Sr. Antonio fazia uma ultrapassagem em  um veículo Saveiro, de placa JLW-5320, licenciada de Itiruçu, dirigida por Pablo Rogério, popular Suave, descendo a ladeira e ao tentar retornar para o lado da via, colidiu com outro veículo, um FORD/F250, licenciado de Itabuna, que com a colisão foi jogada para fora da pista, caindo em uma vala ao lado. No FORD/F250 estavam duas pessoas também de Itiruçu, que não quiserem ter os nomes divulgados para assegurar a tranquilidade de familiares. Não houve feridos com gravidade no acidente, apenas escoriações e dores nos corpos com o impacto das batidas. Ao tentar desviar do acidente, o veículo saveiro acabou também colidindo com a Fiat Strada.

Polícia Militar comandou liberação da rodovia.

Uma Guarnição da Polícia Militar esteve no local para garantir a segurança e a fluidez dos veículos na rodovia, além de orientar para liberação da pista, já que o Fiat/Strada ficou parado no meio da BA.

Dois dos ocupantes da Saveiro. Suave ( Bermuda verde) e Pedrinho ( Camisa rosa)

Não é natural comemorar acidentes, mas os ocupantes da Saveiro Branca fizeram questão que o Blog registrasse  eles felizes por não ter havido feridos com gravidade no acidente: foram livres de uma tragédia.


Caminhão não conseguiu frear a tempo e engavetou 13 veículos (Foto: Diego Macedo / TV Subaé)

Um acidente com dois caminhões e um engavetamento de outros 13 veículos na BR-324, nas proximidades de Amélia Rodrigues, cidade a cerca de 80 km de Salvador, causou um congestionamento de cerca de 10 km na região, na manhã desta terça-feira (3). Ao menos 5 pessoas ficaram feridas sem gravidade, informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O caso aconteceu por volta das 5h30, no sentido Feira de Santana – Salvador, e a pista só foi liberada às 8h. Segundo a PRF, os caminhões bateram no Km 541 da rodovia. Por conta da espera para a remoção dos caminhões, um congestionamento se formou no trecho.

Às 6h, outro caminhão, que seguia no mesmo sentido do engarramento, não conseguiu frear a tempo e bateu nos carros que estavam na via, nas proximidades do Km 539. Por volta das 9h30, mesmo após a remoção dos veículos envolvidos no acidente, ainda havia lentidão na via. (G1).


Reprodução do site Mídia Bahia

A condutora de um veículo Gol, identificada por Elenir Silva Silva, perdeu o controle da direção na manhã desta segunda-feira (02), na loteamento Dom Vital, em Mutuípe.

Segundo informações Elenir fazia constantemente a conversão no local, mas hoje deu errado, o veículo subiu o meio fio passou a calçada, bateu numa árvore e por muito pouco não desceu uma ribanceira que poderia ir parar no rua de Cizinio.

Por sorte ninguém se feriu. Muito abalada a condutora não conseguiu descrever o acidente. O esposo dela ressaltou a importância da vida e agradeceu por somente ter sido danos materiais.


Notícia que já se tornou frequente nos fins de semana em SP. Três famílias tiveram uma péssima notícia neste último sábado (30), quando descobriram que um de seus familiares tinham ido a óbito, após sofrerem um grave acidente no recuo da Marginal Tietê, em São Paulo. A motorista culpada pelo acidente, contou à polícia que tinha bebido e que falava ao celular.

Ato irresponsável deixa três mortos na Marginal Tietê

A motorista responsável pelo acidente, identificada por Talita Sayuri, de 28 anos, admitiu ao delegado que retornava de uma casa noturna na Zona Sul da cidade e nem compreendeu quando perdeu o controle do automóvel e acabou atingindo as três pessoas que estavam do lado de fora, num recuo, para trocar o pneu do automóvel.
O delegado afirmou que o crime é inafiançável, portanto não tem fiança. Somente nos próximos dias quando ela for para uma audiência de custodia, o juiz poderá arbitrar essa fiança. Talita vai responder por dois crimes: o primeiro de homicídio doloso, quando há intensão de matar, e o segundo por embriagues ao volante.


Uma carreta que transporta líquido inflamável e de longo comprimento, acabou provocando um acidente na Avenida Rio Branco, Centro de Jequié ao tentar realizar uma conversão para a avenida. O veículo atingido foi um Fiat Pálio de uma auto escola da cidade. Não houve feridos no acidente, apenas danos materiais. A Polícia Militar esteve no local para registrar o acidente e garantir a fluidez de veículos.


Foto/Itiruçu Online

Duas pessoas da mesma família foram vítimas de um atropelamento na noite desta terça-feira (26) na BA-250, perímetro do município de Itiruçu, na localidade da Federal. De acordo com informações obtidas pelo Itiruçu Online com parente das vítimas, pai e filho foram atropelados por um veículo de dados ignorados quando trafegavam pela rodovia em uma moto modelo Honda Titan 150, de dados não anotados.

Com a colisão os dois sofreram ferimentos, sendo que o Sr. Aloísio Vidal, que pilotada a moto, teve fratura exposta e foi levado ao HGPV em Jequié pela Unidade Médica do SAMU, onde passará por procedimento cirúrgico,  enquanto o filho, Anderson Vidal, sofreu ferimentos mais leves e foi levado ao Hospital de Itiruçu.

O veículo teria sido um Celta de cor Branca, mas o motorista fugiu do local sem prestar socorro às vítimas.

 


Fotos divulgadas no WhatsApp

Quatro pessoas morreram em uma batida frontal entre dois veículos na manhã desta terça-feira (26), no km-156 da BR-135, região oeste da Bahia. Duas das vítimas estavam em uma caminhonete. Outras duas morreram carbonizadas no segundo veículo envolvido no acidente, que acabou destruído pelo fogo.

A caminhonete seguia no sentido Piauí, enquanto o outro carro trafegava em direção a Barreiras. Tudo aconteceu entre 10h30 e 11h desta terça-feira. Uma pessoa sobreviveu e foi levada em estado grave para o Hospital do Oeste, em Barreiras.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) não confirmou a causa da batida. Atuaram na ocorrência equipes do Samu, bombeiros, além dos policiais rodoviários.

Houve congestionamento de pelo menos dois quilômetros nos dois sentidos da BR-135. O trânsito foi liberado com a chegada da perícia, por volta de 12h20, segundo a fonte desta informação, o G1.