Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia Itiruçu  Online | Jornal A Notícia

Polícia Militar desvenda crime bárbaro em Maracás.

Blog Vandinho Maracás Para o Itiruçu Online | Jornal A Notícia | 06/04/2014   
Polícia...Uilton Souza Novaes, 20 anos e Augusto Rodrigues de Novaes,19 anos.

Em menos de 24 horas de investigação, a eficiente Polícia Militar de Maracás, sob o comando do Tenente Arlindo, desvendou o crime barbaro contra o caminhoneiro conhecido popularmente por ‘ Pardal ’. O corpo da vítima foi encontrado na manhã deste sábado (05), em uma fazenda, localizada na saída da cidade, sentido ao Vale Aprazível.

 

A partir daí, a Polícia Militar começou uma investigação, chegando aos autores do latrocínio, que envolveu seis pessoas, entre eles dois menores. Segundo os acusados, Pardal teria discutido com um Uilton e disse que daria um tiro, por isso, foi arquitetado um plano de sedução, por parte de Uilton e as mulheres para roubar a suposta arma, levando a vítima para o local da execução, em seguida levaram o celular e o veículo modelo Novo Uno, placa policial NTP-6464 pertencente a vítima, que foi incendiado em um local denominado de Santo Antônio, zona rural de Maracás e já encontrado pela Polícia Militar.

 

Na primeira foto: UILTON discutiu com Pardal, o agrediu fisicamente, em seguida passou o carro por cima da vítima várias vezes levando-o a óbito. AUGUSTO agrediu fisicamente a vítima e juntamente com Uilton levou o carro para incendiar no matagal.

 

CLEIDE seduziu a vítima e o induziu para ir até o local da excussão juntamente com o grupo. MANOELA agrediu a vítima com uma garrafada.

 

A adolescente de iniciais G.M.L, de 16 anos e o jovem J.S.S, de 15 anos, participaram do crime.


Os menores além de agredirem fisicamente, subtraíram o celular da vítima. A sociedade maracaense atualmente sente-se segura e agradece a Polícia Militar de Maracás sob o comando do Capitão Renner e do Tenente Arlindo que tem uma guarnição muito eficiente.

 

Fotos e Matéria: Blog Vandinho Maracas.

2 Comentários

SYLVIA CASTRO ALVES disse:

Nossa fiquei chocada com o acontecido.Que coisa feia, me pareceu crimes bem premeditados aqui de São Paulo.Morei ai e hje resido aqui em sampa, e fiquei triste pelo acontecido,mas por outro lado feliz pela posição,eficiência e comprometimento da polícia militar de maracás que agiu com rapidez e deu a família da vitima a justiça esperada. Parabéns a toda a equipe de militares, e estou orgulhosa de de vcs! Bjoe sylvia  } Responder

cida santos disse:

Meu Deus nunca imaginei ver crimes toa darbaros com esse, o de lojedo e o de planaltino,cidades tão pacatas, por motivos tão fúteis o que esta acontecendo com esses jovens...  } Responder