Bahia volta a jogar muito mal, perde para o Tupi-MG e pode terminar a rodada na 9ª posição

(Foto: Divulgação/ EC Bahia)

(Foto: Divulgação/ EC Bahia)

O Bahia começou marcando em cima, pressionando a saída de bola do Tupi-MG e não demorou muito para ter a primeira grande chance do 1º tempo. Aos 10 minutos, Juninho arriscou chute de fora da área, o goleiro rebateu no pé de Hernane que finalizou novamente, para grande defesa do goleiro da equipe mineira. Na sequência, em escanteio originado pela jogada do Brocador, o goleiro Rafael praticou um milagre em cabeçada do tricolor baiano.

Apesar do bom começo do Bahia, quem abriu o placar foi a equipe mineira. Aos 18 minutos, após roubada de bola no meio-campo, Hiroshi passou por dois marcadores e disparou de fora da área. A bola quicou e foi morrer no canto direito de Marcelo Lomba. Que falha! Tupi 1 a 0. O Bahia sentiu o gol sofrido e deixou de comandar as ações da partida.

O jogo seguiu truncado, com o tricolor errando demais. Antes da primeira etapa chegar ao final, o Bahia quase empatou. Aos 44, em contra-ataque bem armado, Thiago Ribeiro achou Renato Cajá. O meia acertou um belo chute que explodiu na trave. Para a segunda etapa, as duas equipes voltaram sem alterações. E o Bahia voltou mal, assim como terminou o primeiro tempo.

Logo aos 6 minutos, outro golpe no tricolor. Em cobrança de falta, Hiroshi acertou a trave, mas no rebote, Marcos Serrato mandou para o fundo do gol. Outra falha do goleiro Marcelo Lomba. 2 a 0 Tupi. Aos 19 minutos, Aroldo Moreira processou duas alterações. Saíram Hayner e Thiago Ribeiro, entraram Régis e João Paulo Penha. Aos 23, Hernane mata contra-ataque do Tupi, recebeu o 3º cartão amarelo e está fora da próxima partida.

Aos 36 minutos, Aroldo processou a última alteração. Saiu Renato Cajá para a entrada de Luisinho. Logo depois, aos 37 minutos, o Bahia diminuiu. Após lançamento de Hernane, Luisinho dividiu com o zagueiro e o goleiro e a bola morreu dentro do gol. Um gol espírita! Tupi 2 a 1. Aos 42 minutos, o zagueiro Jackson matou o contra-ataque do time mineiro e recebeu o 3º cartão amarelo que o tira da próxima partida.

Após pressionar em busca do empate e protagonizar um final dramático, o Bahia somou sua terceira derrota consecutiva na Série B (Criciúma, Londrina e Tupi). O tricolor que está na 6ª colocação, mas pode terminar a rodada na 9ª, volta a campo na próxima sexta-feira (24), às 21h30, contra o Brasil de Pelotas no Estádio Centenário, em Caxias do Sul. ( Varela Notícias).


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas