Questionado na noite desta terça-feira (28) por um internauta sobre o financiamento e a lentidão nas obras do VLT, o governador Rui Costa (PT) aproveitou para cutucar as comemorações de mil dias do governo Bolsonaro.

“Você já viu o governo federal ajudar a Bahia e o Nordeste em alguma coisa? Você já viu? Eu também não. Esses cabras o que podem fazer para perseguir a Bahia e os baianos eles fazem. Eu fico impressionado com a cara de pau desse povo. O cara diz que ainda vai comemorar mil dias. Mil dias de passeio de lancha, mil dias de passeio de moto, mil dias de passeio de jet ski, mil dias de fake news e mil dias sem fazer nada pela Bahia e pelo Brasil”, disse o petista.


Jair Bolsonaro visitou Teixeira de Freitas. Foto: Alan Santos

O município de Teixeira de Freitas, no Extremo Sul, teve de entrar com um mandato de segurança com pedido liminar contra o comandante do Corpo de Bombeiros da cidade, exigindo que fosse expedido ainda hoje, o alvará para a realização de eventos no Centro de Iniciação ao Esporte (CIE). O local estava programado para receber o ato em comemoração aos mil dias do governo de Jair Bolsonaro, na manhã desta terça-feira (28). De acordo com a gestão, o comandante da unidade não emitiu o alvará anteriormente apenas por questões políticas.

Mesmo sem o alvará, o evento com a presença de Bolsonaro foi realizado hoje no local . O mandado de segurança foi expedido às 11h39, quase que simultaneamente ao ato com o presidente – realizado sem o alvará de funcionamento do Corpo de Bombeiros.

De acordo com o prefeito Marcelo Gusmão, o comandante Antônio Hélber de Oliveira, ao não vistoriar o local, teria por objetivo inviabilizar a realização de um evento com aproximadamente 1.000 pessoas na manhã desta terça.

No pedido liminar, o procurador adjunto do município Henny Aramuni Gonçalves alega que já havia sido solicitado ao Corpo de Bombeiros uma vistoria para que fosse realizado um evento com a presença do presidente, no entanto, a vistoria não teria sido realizada.

Ainda de acordo com o pedido, o prefeito requereu a vistoria e o consequente alvará para a realização do evento. “Todavia, mesmo após o preenchimento de todas as exigências, conforme vasta documentação anexa, bem como requerido através de e-mail enviado ao Corpo de Bombeiros, este quedou-se silente quanto a emissão do competente alvará para realização do evento”, diz o pedido.

O pedido ressaltou ainda que, apesar de indispensável o laudo/vistoria do CBM para liberação da obra à população, torna-se dispensável para cerimônia de inauguração, pois a cerimônia aconteceria do lado externo do equipamento próprio. Bahia Notícias.


O governador Rui Costa afirmou, durante o Papo Correria desta terça-feira (28), sobre a possibilidade do retorno ao público no estádio e o aumento de pessoas em eventos. De acordo com o gestor, se na próxima semana o número de casos ativos voltar a cair para faixa dos 2 mil será marcada a data de retorno do público ao estádio.

”Há duas semanas estávamos comemorando aqui a queda do número de casos, porém, nos últimos 10 dias tivemos aumento de 700 casos, ou seja, quase 40% de aumento. Então a gente pisou no freio para aguardar os acontecimentos nos próximos dias. Os números estavam em queda e infelizmente voltaram a subir. O que eu posso afirmar é que, se daqui há uma semana o número de casos cair para 2 mil, poderemos marcar a data de retorno do público ao estádios e aumentar o número de público permitido em eventos”, disse.

Rui adiantou ainda que para acessar o estádio, será obrigatório ter tomado as duas doses da vacina. ”Eu vou logo avisando ao torcedor do Bahia e do Vitória… Se quiser ir, tiver ansioso para ver o jogo, tome logo suas duas doses, porque só será permitido a entrada de torcedores com o esquema de vacinação completo”. *Com informações do Bahia.ba


Foto/Blog Itiruçu Online

O assunto estava em silêncio, mas depois que chegou à redação do Itiruçu Online e atingiu à comunidade e, até as autoridades que ainda não sabiam da intenção do Estado em demolir o prédio onde sediava o poder Judiciário, a causa ganhou defensores.

Durante a sessão da Câmara, o vereador Val Caetano fez duras críticas a intenção do governador, e pediu que fosse agendada uma reunião para tratar do assunto com urgência.  No local o estado pretende construir um complexo esportivo e uma nova escola.

Na manhã dessa terça-feira (28), que visitou a localidade e gravou um vídeo relatando ser contra a demolição do prédio foi o vereador Jó de Jú, pedindo ajuda da sociedade para se mobilizarem contra a demolição do antigo fórum.

Foi anunciada pela prefeita Lorenna Di Gregorio que no local funcionaria a sede da prefeitura, mas o assunto morreu depois de polêmicas na troca do poder executivo- Relembre aqui. A verdade é que, sem burburinhos e zangas, é que o estado possui vários prédios fechadas que poderiam ser utilizados pelo município, que por exemplo, aluga casas particulares para funcionar secretarias, como por exemplo, o Luiz Viana Netto, que poderia agregar a Secretaria de Serviços Gerais. O antigo Fórum poderia funcionar como Centro Administrativo, devolvendo a Casa da Cultura as artistas.

São questões fáceis de terem soluções, basta fugir de acordos políticos que visam votos e pesaram na saúde financeira do município.


Foto/Blog Itiruçu Online.

Foram dias de debates, mas os vereadores de Itiruçu aprovaram por unanimidade, após modificação do projeto de autoria da prefeita Lorenna Di Gregorio, através da aprovação de emendas que deram ao PL mais transparência.

O Projeto autoriza o município a fazer doação de terrenos para pessoas carentes, com cadastros feitos na Secretaria de Assistência Social. Assim que apresentado, houve a clara demonstração de que a maioria dos terrenos já possuem donos – Saiba aqui -, mesmo assim a Câmara aprovou após modificar o texto original.

Três emendas foram aprovadas, sendo uma do vereador Nino Mota, que estabelece o envio do cadastro com os beneficiados contendo nome e CPF, além de pedir transparência na lista de doação através do Diário Oficial.  A segunda emenda foi do vereador Sidimar Santos, estabelecendo como critério para receber os terrenos ‘morar no município há mais de 1 ano’, para evitar apadrinhamento e/ou doações de terrenos feitos em épocas de campanha política. A terceira emenda feita de forma verbal foi do vereador Ezequiel Borges, que cria uma comissão para avaliar situações especiais, contando com a participação do Legislativo, Executivo e do Social.


A Delegacia Móvel da Polícia Civil da Bahia realizou seus primeiros atendimentos nesta última segunda-feira (27), no município de Jaguaquara. A ação marca o início do projeto Deam itinerante, que visa fornecer auxílio às mulheres vítimas de violência doméstica, em diferentes municípios do interior do estado. A ação é coordenada pelo Departamento de Polícia do Interior (Depin). 

A abertura do evento aconteceu na Câmara de Vereadores do município e contou com a presença do coordenador da 9ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior  (Coorpin/Jequié), delegado Rodrigo Fernando, da juíza de direito, Andréa Padilha, da Secretária de estado da prefeitura municipal, Daniela Batista e demais órgãos e autoridades locais. A equipe especializada, formada por delegada, escrivão e investigadores, se encontra na Praça JJ Seabra, no centro do município, de 8h às 18h, para registrar ocorrências e orientar as pessoas. 

Para o coordenador da 9a Coorpin/ Jequié, delegado Rodrigo Fernando, esta ação é muito importante para a cidade que não tem uma delegacia especializada nos crimes que se referem à violência doméstica. “A Delegacia Móvel vem para fazer um trabalho de conscientização do combate à violência doméstica, já que estamos identificando um considerável aumento desse crime aqui. Interiorizar esse atendimento e fazer com que as mulheres reconheçam a importância da denúncia é nosso principal objetivo”, explicou. 

O aparato da Deam Itinerante permanece em Jaguaquara nesta terça-feira (28) quando a delegada titular da Deam de Jequié, Graziela Quaresma, realiza uma palestra sobre a atuação do departamento no combate à violência doméstica e familiar contra a mulher, também na Câmara de Vereadores, aberto para o público.  

Após a passagem por Jaguaquara, o roteiro da Deam Itinerante segue para os municípios de Ipiaú (29 e 30 de setembro), Itapetinga (4 e 5 de outubro) e Itambé (6, 7 e 8 de outubro). Com planejamento já elaborado pelo Depin, outros municípios devem ser contemplados pela iniciativa. O atendimento proporcionado pela unidade itinerante se junta às 15 Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher distribuídas pelo interior, além de quatro núcleos especializados que funcionam nas coordenadorias de Irecê, Itapetinga, Santo Antônio de Jesus e Jacobina.

Enfrentamento à violência contra a mulher  na Bahia


A Petrobras anunciou nesta terça-feira (28) um aumento de R$ 0,25 por litro no preço do diesel entregue às distribuidoras a partir de quarta-feira (29). Segundo a companhia, a elevação de 8,89% se dá por causa da valorização do petróleo no mercado internacional e o dólar alto em comparação com o real. Em nota publicada em seu site, a companhia justificou o aumento: “Após 85 dias com preços estáveis, nos quais a empresa evitou o repasse imediato para os preços internos devido à volatilidade externa causada por eventos conjunturais, a Petrobras realizará ajuste no preço do diesel A para as distribuidoras”.

A Petrobras não fala em aumento em outros combustíveis. Ela diz ainda que o acréscimo no diesel evita “riscos de desabastecimento pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às diversas regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros produtores, além da Petrobras”.

“Desta forma, a partir de quarta-feira (29), o preço médio de venda de diesel A da Petrobras, para as distribuidoras, passará de R$ 2,81 para R$ 3,06 por litro, refletindo reajuste médio de R$ 0,25 por litro.”


O corpo de uma pessoa do sexo masculino foi encontrado boiando nas águas do Rio das Contas, na região da Cachoeirinha, proximidades do Conjunto Penal de Jequié, na manhã desta terça-feira, 28 de setembro. Um pescador de barco que passava pelo local, percebeu algo estranho, e ao aproximar identificou que seria o corpo de uma pessoa. O departamento de Polícia Técnica foi acionado para realização do levantamento cadavérico e investigar as causas da morte. Com informações de Marcos Cangussu.


Quatro ubatenses morreram e 01 ficou gravemente ferido num grave acidente ocorrido numa curva da BA-120, à cerca de 1km do município de Gongogi. As vítimas, que ainda não tiveram as identidades reveladas, estavam a bordo de um Toyota Fielder, cinza, placa JPT5E37, licença de Ubatã. O condutor perdeu o controle ao transitar numa curva e o veículo acabou rompendo uma cerca e caindo numa ribanceira de cerca de 20m de altura. O local é de difícil acesso e cheio de pedras.

Conforme informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o veículo foi encontrado por mulheres, que caminhavam às margens da rodovia, terem ouvido pedidos de socorro. Muito ferido e confuso, o sobrevivente disse aos policiais que o acidente ocorreu na noite deste domingo (26), mas não soube precisar o horário. A vítima foi socorrida pelo SAMU inicialmente ao Hospital Municipal de Gongogi e depois transferida para o Hospital de Base, em Itabuna.

Um guincho esteve no local para a retirada do veículo e a Polícia Militar acionou o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para fazer a remoção dos corpos. O local onde ocorreu a tragédia já foi palco de diversos acidentes nos últimos anos. Em um deles, um veículo suspeito de envolvimento em assassinatos perdeu o controle na mesma curva e também caiu na ribanceira . Com informações do Ubatã Notícias.


O presidente do Consórcio Intermunicipal Médio Rio das Contas (CIMURC), Zé Cocá, participou, nesta segunda-feira, 27, de uma reunião no auditório do Senai Cimatec, em Salvador, da Federação dos Consórcios Públicos do Estado da Bahia (FECBahia), onde discutiu sobre as demandas da instituição, juntamente 27 presidentes dos demais consórcios de infraestrutura. Logo após, o presidente do CIMURC apresentou ao governador Rui Costa as principais solicitações que, quando atendidas, ajudarão a operacionalizar as ações de infraestrutura nos municípios pertencentes ao Território do Médio Rio das Contas.

Entre as demandas, a solicitação para a recuperação da patrulha de equipamentos pesados; a aquisição de um veículo para atender as demandas administrativas; a aquisição de uma usina móvel; cessão de um espaço para a sede do CIMURC e para guardar os equipamentos pesados; a solicitação de um reboque para transporte de equipamentos pequenos; o reajuste ao contrato firmado com a Seinfra/BA, desde o ano de 2018; a possibilidade de parceria público-privada (PPP) para o tratamento de resíduos sólidos, entre outros temas que fizeram parte da pauta.

“É uma inovação administrativa em que a Bahia se consolida como um exemplo nacional na formação de consórcios e na gestão. Na área da saúde está absolutamente consagrado na forma que os consórcios têm gerido as policlínicas regionais, e nós estamos consagrando agora, com absoluta convicção os consórcios multifinalitários que vão desde a infraestrutura, a consórcios pra agilizar a regularização fundiária, apoio à agricultura familiar, e queremos avançar na área de tratamento de resíduos sólidos, pra gente colocar a Bahia no lugar que merece do ponto de vista ambiental e de saúde pública”, concluiu o governador Rui Costa.
“Os consórcios têm mostrado sua força, sua resolutividade, enquanto responsáveis pela execução do atendimento das demandas dos municípios e em prol da melhoria das condições de vida das populações atendidas, isso é inegável, agora precisamos fortalecer os consórcios e estruturá-los mais ainda, para que possamos potencializar as ações e atender cada vez mais e melhor, os municípios integrantes.”, afirmou o presidente do CIMURC, Zé Cocá, que é prefeito do município de Jequié.

Além dos prefeitos representantes dos consórcios, participaram da reunião o secretário do Planejamento do Estado (Seplan), João Leão; o secretário de infraestrutura (Seinfra), Marcus Cavalcanti; o secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues; a secretária do Meio Ambiente, Márcia Telles; o secretário da Agricultura (Seagri), João Carlos Oliveira; o secretário do Desenvolvimento Rural (SDR), Josias Gomes; a secretaria interina de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Ananda Lage; Secretário de Relações Institucionais (Serin), Luiz Caetano.