costasaojoao

SÃO JOÃO DO BAHIA – É recorrente a reclamação dos prefeitos sobre a queda de receita. Neste primeiro trimestre de 2015, a principal receita dos municípios, o FPM (Fundo de Participação dos Municípios) apresenta queda em relação a 2014. E para complicar a situação, as despesas aumentam; pois começou a vigorar o novo salário mínimo, o novo piso salarial dos professores, aumentos nos combustíveis e energia elétrica. É bom ressaltar que muitos municípios estão tendo dificuldades para cumprir pisos nacionais em diversas áreas trabalhistas.

Uma tradição da região Nordeste, as festas de São João e São Pedro devem acontecer nos municípios baianos mesmo com as dificuldades financeiras enfrentadas pelas prefeituras. Alguns municípios irão cancelar a festa.  Atentos à recomendação do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) para evitar ao máximo o gasto de verbas públicas, gestores chegaram a diminuir dias de festa e optaram por contratar bandas mais baratas, “valorizando a prata da casa”. Uma nova realidade nas administrações municipais que acabam correndo para buscar apoio do estado na realização de festas tradicionais.

Diante da reclamação dos gestores baianos com a falta de recursos próprios para realização do São João, o governador Rui Costa, prometeu, nesta sexta-feira (24), que nos próximos dias estará recebendo prefeitos e criará um “pacote de ajuda” através da Bahiatursa para os  municípios  realizarem suas festas juninas. “Pedi ao secretário de turismo que defina uma proposta e assim nos apresentar. Já fui pedi ajuda ao Banco do Brasil, Caixa Econômica Coca Cola e com as cervejarias para que a iniciativa privada também possa ajudar o São João da Bahia e eu devo está chamando os prefeitos nos próximos dias para anunciar o pacote de apoio aos prefeitos no São João”, garantiu Rui Costa em entrevista para o Blog Itiruçu Online.


Foto: Manu Dias/GOVBA
Foto: Manu Dias/GOVBA

Para melhorar a mobilidade urbana e proporcionar mais segurança aos condutores e pedestres, aproximadamente mil metros da pista inferior da Avenida Brasília, no município de Maracás, na região sudoeste, foram totalmente pavimentados e receberam obras de drenagem pluvial. Entregue pelo Governo do Estado, nesta sexta-feira (24), a obra foi executada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), em parceria com a prefeitura local, recebendo investimento de R$ 480 mil. No município, o governador também assinou convênio para recuperar a cobertura de uma estufa de flores que vai beneficiar agricultores familiares.

Segundo o morador Diego Fontes, 24 anos, depois das obras “ficou melhor [circular pela cidade] porque antes a gente não transitava direito. Passava por aqui e estava cheio de buraco”. Ele usa bicicleta para se descolar em Maracás e disse que os ciclistas também foram contemplados. “Tinha muito acidente, pois se desviasse de um buraco caia em outro. Antes sempre furava o pneu da bicicleta”.

Segundo a dona de casa Alzira Cerqueira, 73, que mora às margens da avenida há quatro anos, o imóvel onde mora com o marido teve valorização acima da expectativa. De acordo com ela, antes dos serviços de drenagem, a água da chuva chegava até a porta de sua casa. “Agora estamos num tapete. Quando começamos a fazer essa casa, o povo dizia que a gente estava investindo num lugar sem valor. Agora já ofereceram R$ 200 mil e não queremos vender”.

O governador Rui Costa disse que, com as melhorias realizadas na via, “a população, além de ter a tranquilidade de que a água não vai mais invadir a sua casa, tem o conforto do asfalto na porta de casa, sem a lama e a poeira de antigamente”. Ele e comitiva também visitaram uma usina de asfalto municipal.

Agricultura familiar

Ainda em Maracás – considerada a cidade baiana das flores -, após participar da reinauguração da Creche Alzira Sá Nascimento e da quadra poliesportiva coberta, no Grupo Escolar Dom Justino Maria Russolillo, o governador e o secretário de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, assinaram convênio para recuperação da cobertura de estufas de flores. Com investimentos da ordem de R$ 50 mil, a obra beneficiará 30 famílias de pequenos produtores rurais da Associação Maracaense de Agentes Floricultores (Amaflor). Eles cultivam aproximadamente 20 espécies florais na zona rural da cidade.


vagaseducacaojequie
Em entrevista a uma emissora de rádio de Jequié, o Secretário de Educação de Jequié, João Magno, e o Procurador Geral do Município, Dr. Marcos Santana Neves, esclareceram dúvidas levantadas em torno do processo de seleção de servidores temporários por meio do Regime Especial de Direito Administrativo – REDA, que será aberto no próximo dia 28 de abril para a contratação temporária de 110 professores (55 para a zona urbana e 55 para a zona rural) e de 70 cuidadores, e também em relação a não convocação de candidatos aprovados no Concurso Público realizado em 2012 no município.
O Procurador explicou que o REDA está previsto na legislação municipal e que este para a seleção de profissionais de educação, especificamente , foi elaborado em 2014 de acordo com critérios definidos por profissionais da área de educação. “Esse REDA foi feito para substituir profissionais que estavam de licença, como professores afastados por licença prêmio, gestantes, afastados para cursos, como mestrados por exemplo. Ou seja, vagas temporárias”, explica. Marcos Santana lembrou ainda que no momento em que essa licença temporária terminar, o servidor efetivo volta a ocupar a vaga pertencente a ele e que, por este motivo, esses contratados temporários não podem ser candidatos aprovados em concurso para vagas efetivas.


20150424175605

Em cumprimento do doloroso dever, familiares  comunicam o falecimento do Sr. Newton Dias Pereira, de 91 anos de idade, ocorrido na noite desta sexta-feira (24) em Salvador.

O Sr. Newton Dias Pereira estava internado há alguns dias em um hospital de Salvador em decorrência de problemas renais. A complicação no tratamento se deu devido a idade.

Newton Dias morou em Itiruçu por muitos anos, onde já exerceu a função de vereador, mas atualmente morava em Lajedo do Tabocal. O Corpo será velado na Capelinha do Cemitério João Batista, onde será sepultado às 10 horas deste sábado, dia 25.


Rui escuta repórter Silvio Senna. Foto/Itiruçu Online
Rui escuta repórter Silvio Senna. Foto/Itiruçu Online

Prefeitos, vereadores e secretários das regiões do Médio Rio de Contas e do Vale do Jiquiriçá estão na luta pela criação do Consórcio de Saúde da macrorregião de Jequié. Os municípios devem votar a regulamentação nas suas Câmaras Legislativas e em seguida partir para a criação.

A proposta visa a regionalizar o oferecimento de serviços de saúde na região a partir do reequilíbrio financeiro dos municípios e com a ampliação e descentralização desses serviços. Durante visita ao município de Maracás, na manhã desta sexta-feira (24), onde inaugurou obras ao lado do prefeito Paulo dos Anjos e prefeitos da região, o governador Rui Costa afirmou que deseja assinar a intenção do Consórcio de Saúde em um dos municípios das regiões que compõe os dois territórios.

““Eu lancei o desafio aos prefeitos. Queria ver quem faria o primeiro consórcio e hoje recebi a boa noticia. Volto à região em breve para formalizar a criação”. Os Consórcios de Saúde vão ser criados em toda a Bahia, como forma de regionalizar o atendimento e a realização de exames médicos”.

O Consórcio de Saúde passaria a oferecer vantagens como a redução de custos operacionais com transporte de pacientes, captação de mais recursos públicos, aprimoramento da escala de trabalho dos profissionais ao possibilitar o compartilhamento de médicos e especialistas, flexibilizando os regimes de contratação.

 


Jornalista Walter Sales, entrevista Wagner para o Café com Leite
Jornalista Walter Sales, entrevista Wagner para o Café com Leite

A pergunta que hoje mais circula na região é com relação a realização dos festejos de alguns municípios. Com a confirmação de algumas cidades como Planaltino, Maracás, Lafaiete Coutinho, Cravolândia, Apuarema,  Brejões, além de Jequié e Jaguaquara que farão um São João de Vilas Juninas, Itiruçu é um caso a parte, por realizar o São Pedro logo após os festejos de São João.

Durante a presença do prefeito Wagner Novaes na cidade de Maracás, toda imprensa de voltou para o gestor para perguntá-lo sobre a realização ou não do São Pedro. Wagner iniciou explicando as dificuldades encontradas, mas sinalizou um pensamento positivo em realizar o São Pedro.

“Itiruçu não é diferente de nenhuma outra cidade do interior da Bahia, estamos também enfrentando inúmeras dificuldades que no momento nos compete somente à obrigação do pagamento salarial e manter a saúde e educação funcionando. É sabido por todos de nossa queda populacional que nos tirou aproximadamente R$ 4000.000, 00 mil reais do FPM que poderia está entrando nos cofres municipais. Se as coisas continuarem como persistem, com essas quedas na arrecadação, corremos o risco de até atrasar salários. Está muito difícil e espero em Deus forças para que possamos cumprir ao menos com nossa obrigação que é andar com a saúde e educação, além do funcionalismo em dia”, frisou Wagner.

Na esperança de que os parceiros do São Pedro possam  ajudar o município, Novaes assegurou que à luta é o pensamento positivo com relação a realização da festa , aliada ao apoio declarado pelo presidente da Assembleia de ajudar junto a Bahiatursa.  O gestor alertou que é preciso calma para decidir sobre os rumos do São Pedro, mas que o desejo é de realizá-lo.

“O São Pedro está chegando, é uma festa tradicional não apenas para Itiruçu, mas de todo interior do estado. Na condição de prefeito tenho que manter a responsabilidade e garantir que só iremos realizar o São Pedro se estiver com toda folha de pessoal rigorosamente em dia, a partir daí,  estaremos voltados para fazer a festa do São Pedro. Hoje estive com o Deputado Marcelo Nilo que nos garantiu lutar pela verba da Bahiatursa e, caso isso aconteça, viabiliza ainda mais o pensamento de realizar o São Pedro, mas caso os parceiros da iniciativa privada e os órgãos governamentais não possam  ajudar Itiruçu, infelizmente, teremos que recuar e não realizar o São Pedro. 2015 é um ano de cautela, é preciso ter o  pé no chão e refletir tudo que iremos fazer, para depois não pagar caro como muitos amigos estão pagando por ter exagerado com festa, o que não é mais permitido na gestão pública dos municípios. Mas diante de tudo que coloquei, afirmo que iremos tentar fazer o São Pedro pequeno com a consciência de que não irá atrapalhar nem o pagamento do funcionalismo nem o andamento da saúde e educação. A festa do São Pedro seguia um patamar que hoje não cabe à realidade do município. Antes gastávamos de 700 a 800 mil reais com festa, mas ano passado realizamos com pouco mais de 200 mil. Queremos e temos a intenção de fazer uma festa como fizemos em 2014, sem grandes estrelas, caso  alcancemos os recursos já buscamos e receber  o apoio da Bahiatursa”, disse Wagner.


onibusaudeitagiba

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou, no final da manhã desta sexta-feira (24), os nomes dos mortos e dos feridos no grave acidente na BR-101 envolvendo um micro-ônibus da Prefeitura de Ipiaú. Morreram duas pessoas: Maria de Lourdes dos Santos no local do acidente e Judite Cordeiro Oliveira (50) pouco depois de dar entrada no Hospital de Base. Foram 16 os feridos: Gutembergue de Almeida Rosa (34); Luciana Souza de Jesus (29); Ivonildes Ramos dos Anjos (56); Maiane Ventura dos Santos (23); Wagner Andrade; Jorge Artur do Nascimento Meireles (70), Joélio de Jesus Santos (33); Neilza Oliveira Santos (32); Wagner Oliveira de Andrade, Lirane Ramos Bidu (32); Gilson de Souza Santos (52); Rogério Santos da Silva (35); Ângela Maria Nery Lemos (57); Gerson de Souza; Antônio Cristiano Neves de Souza (59) e Rafael Neves de Souza (22).

20150424095154

O micro-ônibus saiu de Ipiaú na manhã desta segunda-feira com destino a Itabuna para levar pacientes para realizar exames médicos. Por volta das 7h, à cerca de 15 km de Itabuna, o motorista perdeu o controle do veículo ao trafegar numa curva. O micro-ônibus saiu da pista e capotou diversas vezes. A maior parte das vítimas foi projetada para fora do veículo. Esquipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) prestaram socorro e encaminharam as vítimas para o Hospital de Base. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, poucos passageiros usavam cinto de segurança. Na hora do acidente chovia forte. Um laudo do Departamento de Polícia Técnica (DPT) deve apontar as causas do acidente. (Giro em Ipiaú)


unidadedesaudemaracas
O bairro Irmã Dulce, localizado no município de Maracás, no sudoeste baiano, recebeu novos investimentos que fazem jus à homenagem feita à beata baiana, que dedicou parte da vida para viabilizar atendimento médico a quem mais precisava. Entre as obras mais recentes inauguradas no local, uma é a Unidade Básica de Saúde (UBS), que também leva o nome de Irmã Dulce, e a outra é a creche, que passou por reforma total e ampliação para abrigar 220 crianças de dois a cinco anos.
Cerca de 1,3 mil famílias moram no bairro que, há aproximadamente um ano, também foi contemplado com moradias do programa Minha Casa, Minha Vida. Na manhã desta sexta-feira (24), o governador Rui Costa, acompanhado de outras autoridades, visitou as instalações da UBS, que dispõe de laboratórios médicos e odontológico, além de salas para vacinação, curativos e entrega de medicamentos. Ele também inaugurou os serviços de pavimentação asfáltica e drenagem na Avenida Brasília.
1429883269IMG_20150424_103910
“A unidade de saúde e a creche Irmã Dulce são prioridades para um bairro popular como este. São dois elementos fundamentais para desenvolver a comunidade. [A UBS] tem uma construção de alto padrão, uma equipe já instalada, que começa a funcionar imediatamente”, disse o governador.

Foram investidos R$ 427 mil na UBS, com recursos das três esferas de governo. De acordo com a secretária de Saúde de Maracás, Ilze Novaes, a equipe da unidade é composta de médico clínico, enfermeira, agentes comunitários de saúde, técnico de enfermagem, técnico de saúde bucal e um dentista.

foragidohomicida
Autor de três homicídios é preso pelo 19 BPM

Policiais Militares do 19° BPM detiveram no Bairro do Mandacaru, por volta das 23h da última terça-feira(21), Guilherme Santos Torres(21), foragido da justiça, preso anteriormente por porte ilegal de arma de fogo, autor de dois homicídios e com mandado de prisão em aberto por um terceiro homicídio Segundo relatório de serviço, os policiais militares desenvolviam a operação de combate aos Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI), que consiste na intensificação sistemática de abordagens a pessoas e a veículos, com o objetivo de coibir o combate ao tráfico de drogas e o porte ilegal de arma de fogo. Acontece que durante uma destas abordagens, Guilherme acabou sendo detido e encaminhado para a delegacia, por desacato e desobediência.

Na delegacia constatou-se que o indivíduo era um criminoso procurado, sendo portanto apresentado à autoridade judiciária competente. O Major Ricardo Santana, destacou a ação proativa dos policiais militares envolvidos na operação de combate ao crime e reafirmou a importância das ações preventivas que vem sendo executadas pela Polícia Militar, particularmente pelo 19º BPM.

DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL


fiesalunos

A uma semana para o fim do prazo de renovação dos contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), o ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, garantiu hoje (23) que todas as matrículas serão renovadas e informou que a pasta vai prorrogar o prazo de 30 de abril se for necessário.

“Estamos vendo que todo dia aumenta o número de pessoas que renovaram seus contratos e aumenta também o número de pessoas que firmam novos contratos. Está, por enquanto, viável a data de 30 de abril para encerrar, mas se houver qualquer problema maior, não teremos problema em ampliar o prazo porque nossa prioridade é o estudante. Não queremos que ele tenha nenhum tipo de sofrimento ou problema com isso”, disse o ministro.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), até ontem (23), o Fies renovou 84% dos 1,9 milhão de contratos vigentes. Foram firmados 242 mil novos contratos, e 296 mil alunos ainda não regularizaram a situação.

Sobre dificuldades relatadas por estudantes que não conseguiram renovar o contrato por problemas no sistema do MEC, Ribeiro ressaltou que a pasta está trabalhando para assegurar o funcionamento.


vulcaochile

O vulcão Calbuco, que entrou em erupção nesta quarta-feira (22) no Chile e expeliu uma potente coluna de cinzas de vários quilômetros de altura, o que não acontecia há quase 50 anos, continuava em atividade nesta quinta-feira (23), causando o cancelamento de voos de cidades próximas tanto no Chile quanto na Argentina.

O vulcão está localizado na turística região dos Lagos, 900 quilômetros ao sul de Santiago, e sua atividade ocorre no mesmo momento em que outro vulcão no país, o Villarica, também está em fase de erupção. O governo chileno decretou estado de exceção em cidades próximas, o que significa que as Forças Armadas assumiram o controle nestas localidades, disse o ministro do Interior, Rodrigo Peñailillo.

Pessoas observam de Puerto Varas, no Chile, a coluna de cinzas e lava do vulcão Calbuco, na quarta-feira (22) (Foto: AFP Photo/Giordana Schmidt)
Pessoas observam de Puerto Varas, no Chile, a coluna de cinzas e lava do vulcão Calbuco, na quarta-feira (22) (Foto: AFP Photo/Giordana Schmidt)

Quase meia hora depois do início da atividade, uma coluna de 10 quilômetros de altura havia se transformado num verdadeiro cogumelo gigante em direção ao leste. O Calbuco teve sua última grande erupção em 1961.

Até esta quinta, mais de 4 mil pessoas foram evacuadas das áreas próximas ao vulcão, e as autoridades focam seus esforços na cidade de Ensenada, que fica a 15 km de distância. Um montanhista que estava perto do topo quando ocorreu a erupção está desaparecido.