2,5 toneladas de maconha apreendidas no semiárido baiano. 1.620 pés da erva destruídos

Duas toneladas e meia de maconha foram apreendidas e 1.620 pés da planta foram destruídos pela Polícia Militar durante uma operação na madrugada de terça-feira (26) no município de Jussara, no semiárido baiano. A operação aconteceu após uma denúncia anônima sobre a plantação, que ficava em uma roça no povoado de São Caetano. As 2,5 toneladas de maconha prontas para o consumo estavam distribuídas em 168 sacolas de 400 kg de maconha em processo de “secagem”. A polícia também apreendeu na roça dois motores que bombeavam a água do poço artesiano para a irrigação e outros materiais que ajudavam na plantação, como quatro reservatórios de água, 100 metros de encanação, 12 sacos de aduo, 3 kg de sementes, duas bombas de pulverização, duas balanças e um veículo GM. Quando os policiais do CIPE Semiárido chegaram ao local, alguns homens que estavam lá reagiram e houve uma troca de tiros. Plantações de capim, cana de açúcar, sorgo, abóbora e melancia serviam para disfarçar o plantio de maconha no local. Todo o material apreendido foi encaminhado para a delegacia de Jussara. (G1)

Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas