2 de Julho: Rui Costa reverencia a luta e os valores do povo baiano

Durante o ato solene em comemoração à Independência da Bahia, na manhã desta sexta-feira, 2, o governador Rui Costa (PT) reverenciou os valores de luta do povo baiano e agradeceu aos prefeitos e prefeitas baianos pelo empenho para conter o avanço da Covid-19 no estado. O ato simbólico, no Largo da Lapinha, em Salvador, celebrou os 198 anos de luta dos baianos, mas, pelo segundo ano consecutivo, as comemorações aconteceram sem o tradicional cortejo.

“Quero fazer um agradecimento especial a todos os prefeitos e prefeitas da Bahia por toda a dedicação ao longo desse um ano e meio. Essa dedicação e diálogo garantiu que a Bahia estivesse com uma das menores taxas do país em mortalidade. E conseguimos minizar o efeito dramático desse vírus”, agradeceu o líder baiano.

De acordo com Rui, a expectativa é acelerar a vacinação na Bahia com a possível chegada de 10 milhões de doses da Sptunik V, o que vai garantir a vacinação de 100% da população baiana. “Fica aqui a esperança nesse 2 de Jullho para que a gente possa voltar com as atividades. Estamos conversando com os prefeitos e, se os números continuarem caindo, ao longo da próxima semana iremos anunciar novas medidas de flexibilização e, quem sabe, o retorno das aulas, porque estamos ansiosos para retomar e recuperar o tempo perdido na educação”, afirmou.

A cerimônia de hasteamento das bandeiras contou com a presença ainda do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), deputado Adolfo Menezes (PSD); e do o presidente do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB), Eduardo Morais de Castro. Este ano, os profissionais de saúde que atuam no combate à Covid-19 foram os homenageados. Durante a cerimônia, os caboclos ficaram posicionados do lado de fora, vestidos pelo artista plástico João Marcelo de “Verde Esperança”. Ao final do ato solene, foram recolhidos.

Na sequência, a Pira do Fogo Simbólico foi acesa por dois profissionais de saúde, em um gesto que representa a luta do povo da Bahia na batalha contra a pandemia. Sob o tema “A Chama da Esperança”, as comemorações pelo Dois de Julho começaram de maneira virtual ontem, 1º, com o projeto #Meu2deJulho. Atarde.


Comentários

Os comentários estão fechados.

Notícias Relacionadas